terça-feira, 27 de outubro de 2015

Paykan aproveita erros e bate Al Ahly em sets diretos na abertura do Mundial de Vôlei

Mais experiente, equipe iraniana sai na frente no grupo B do torneio disputado em Betim (MG)


De Belo Horizonte.
Por João Vítor Marques.

27/10/2015 - Erros, erros e mais erros. Dificilmente outra sequência de palavras poderia definir melhor o começo dos egípcios do Al Ahly no Campeonato Mundial de Clubes de Voleibol Masculino, sediado no ginásio Divino Braga, em Betim (MG). Debaixo de muita chuva (que chegou a atrasar o início da partida, por conta de gotas que caíram na quadra), os favoritos do Paykan Tehran (Irã) começaram atrás os dois primeiros sets, mas não demoraram muito para reverter a situação - e mantê-la controlada no terceiro. A tarefa, naturalmente, tornou-se mais simples com os impressionantes 27 erros adversários durante o duelo. No fim das contas, tranquilos 3 sets a 0, parciais de 25 a 19, 25 a 20 e 25 a 15, em partida válida pelo grupo B do torneio.

Apesar da grande quantidade de falhas individuais, o Al Ahly até atacou bem, especialmente nos dois primeiros sets. El Kotb, com 14 pontos, foi o maior pontuador do jogo. O brasileiro Bruno Zanuto, que foi inscrito às pressas no mundial, pontuou cinco vezes.

Pelo lado iraniano, a dupla formada por Ghaemi, com 14 pontos, e Ghafour, com 12, foi o grande destaque.


Jogadores do Paykan Tehran confirmaram favoritismo contra o Al Ahly. 
(Foto: FIVB)

O grupo B do Campeonato Mundial conta ainda com a participação do UPCN. A equipe argentina, que folgou nesta terça-feira (27), vai à quadra na quarta (28) e na quinta (29), para enfrentar o Ah Ahly e o Paykan Tehran, respectivamente. Sada Cruzeiro, Capitanes de Arecibo e Zenit Kazan integram o grupo A da competição (confira a tabela no final da matéria).

Quando a bola subiu...

O favoritismo do Paykan Tehran, equipe recheada de jogadores da seleção iraniana, foi posto à risca no começo da partida. Comandado pelo levantador Abdalla, que conseguia explorar bem as bolas pelas pontas, o Al Ahly abriu 8 a 5. A reação - e consequente virada - do Paykan Tehran só veio quando a recepção finalmente começou a entrar: 17 a 15. Com o fim do set se aproximando, experiência e qualidade técnica falavam cada vez mais alto. Erros de ataque seguidos e toques na rede (três só no primeiro set) colocaram o Al Ahly em desvantagem. Melhor para os iranianos, que fecharam o set em novo erro adversário. Do fundo, Baka, do Ah Ahly, atacou direto para fora e cedeu o 11º ponto de graça para o Paykan Tehran, que venceu por 25 a 19.

Cinco saques errados consecutivos marcaram a parte inicial do segundo set, que, na verdade, mais parecia uma reprise do primeiro. Na primeira parada técnica obrigatória, novamente 8 a 5 para os egípcios. A vantagem do Al Ahly, no entanto, não se devia apenas ao show de erros adversários. Desde o início do jogo, os gigantes Abou, de 2,10 metros, e El Kotb, de 2,02, eram as armas mais acionadas por Abdalla. Mas não era mesmo o dia da equipe egípcia. Na reta final do set, o Paykan Tehran passou à frente e abriu 21 a 19. Ghaemi, Ghafour e Mirzanjanpour voltaram a aparecer no ataque e não teve mais jeito. Nova vitória de virada, desta vez por 25 a 20.

O terceiro set começou com o Paykan Tehran ditando o ritmo de jogo e abrindo 4 a 1. O saque voltou a entrar e Fazei acertou um ace que desestabilizou a equipe adversária. Na primeira parada técnica, 8 a 4 para os iranianos, que tinham, no jogo, apenas um ponto a mais em ataques do que em erros do adversário. E tudo parecia estar dando errado para os egípcios: o ataque parou de funcionar, e nem mesmo a velocidade do brasileiro Bruno Zanutto, nas pontas, conseguiu reequilibrar a partida. Vitória fácil no terceiro set: 25 a 15.  


Ficha do jogo:


Paykan Tehran (IRA) 3 x 0 Al Ahly (EGI)
(25/19, 25/20, 25/15)


PAYKAN TEHRAN (IRA)
Começaram: Valerio Vermiglio, Ghafour Amir, Nikolay Nikolov, Saman Faezi, Ghaemi Fahard e Mojtaba Mirzanjanpour. Líbero: Mahdi Marandi. 
Entraram: Reza Safaei e Manavinezhad.
Técnico: Peyman Akbari

AL AHLY:
Começaram: Hossam Abdalla, Elhalim Abou Abd, Bruno Zanuto, Ahmed Elshikh, Ahmed El Kotb, Kamel Mohamed. Líbero: Moawad Mohamed.
Entraram: Ellakany, Kamel, Maghrawy e Shafik
Técnico: Ahmed Zakaria

1ª rodada da fase de grupos do Mundial de Clubes de Vôlei 2015
Local: Ginásio Divino Braga, em Betim (MG).
Data: 27/10/2015
Horário: 17h10 (horário de Brasília)

Arbitragem: Yuri R. Ramirez Ortiz (Rep. Dom.) e Juraj Mokry (Eslováquia)

***

Mundial de Clubes de Voleibol Masculino 2015 - Betim (MG):



Grupo A: Sada Cruzeiro, Capitanes de Arecibo (PRI) e Zenit Kazan (RUS)
Grupo B: Paykan Tehran (Irã), Ah Ahly (EGI) e UPCN (ARG)



Tabela de jogos (horário de Brasília): 
Terça, dia 27: 
17h10: Paykan Tehran 3 x 0 Al Ahly
20h10: Sada Cruzeiro x Capitanes de Arecibo

Quarta, dia 28: 
17h10: UPCN x Al Ahly
20h10: Sada Cruzeiro x Zenit Kazan

Quinta, dia 29: 
17h10: Zenit Kazan x Capitanes de Arecibo
20h10: UPCN x Paykan Tehran

Sexta - Semifinais:
17h30: 1° do Grupo B x 2° do Grupo A
20h: 1° do Grupo A x 2° do Grupo B

Sábado:
11h40: 3° lugar
15h: Final

0 comentários :

Postar um comentário