sexta-feira, 24 de abril de 2015

NBA: Três times vencem e ficam a um passo da varrida

Cavaliers, Bulls e Warriors vencem fora de casa, abrem 3 a 0 em suas séries e ficam a um jogo de avançar à segunda rodada

De Aracaju.
Por Henrique Ferrera.

24/04/2015 - Após vencer as duas partidas em casa, três equipes mantiveram o nível e venceram fora de casa, na noite desta quinta (23), pelos playoffs da NBA. Agora, Cleveland, Chicago e Golden State estão apenas a um jogo de encerrar suas séries, e se venceram o próximo duelo, varrem seu adversário em 4 a 0.

Stephen Curry foi o herói da vitória incrível dos Warriors.
(Foto: NBAE/Getty Images)

Cleveland Cavaliers 103 @ 95 Boston Celtics

O jogo 3 da série entre Cavs e Celts só mudou de quadra, desta vez em Boston, porque o panorama da partida foi semelhante às outras. O bom ataque dos Celtics até conseguiu por fogo na partida – apesar da defesa da equipe de Ohio ter melhorado nesse jogo –, mas o Cleveland simplesmente é melhor, e no jogo ficou nítido. Sempre que preciso, as bolas de três de Kevin Love e J.R. Smith ou as jogadas individuais de LeBron James e Kyrie Irving acabavam entrando, principalmente após a defesa dos Celtics sentir o cansaço.

Destaques:
LeBron James (CLE): 31 pontos, 13-26 FG, 4 assistências, 11 rebotes e 4 roubos
Evan Turner (BOS): 19 pontos, 8 assistências e 8 rebotes

***

Chicago Bulls 113 @ 106 Milwaukee Bucks - dupla prorrogação

Milwaukee recebeu os Bulls apostando tudo em sua defesa. E por um tempo, conseguiu o que queria, forçando erros e trabalhando bem no contra-ataque, abrindo 18 pontos, mesmo com um aproveitamento baixo nos arremessos. Foi aí que surgiu o talento individual: Derrick Rose fez uma partidaça, se desdobrando em jogadas brilhantes individuais ou bolas espíritas do perímetro. Ainda assim, Jason Kidd conseguiu arrumar o time de Milwaukee após um pedido de tempo, e os Bucks começaram a construir jogadas bem trabalhadas, mantendo o jogo equilibrado.

Porém, a equipe de Milwaukee é muito jovem. Nos últimos minutos, a marcação se perdeu na loucura do jogo, com movimentação desordenada e muito contato. Foi assim que, perdendo por um ponto, Rose infiltrou na sua última posse e sofreu falta – que ele só acertou um lance livre e levou para o overtime. O jogo voltou a ser equilibrado, mas novamente os Bucks sofreram com a redundância do seu ataque e assim como no fim do tempo regular, um arremesso forçado resultou em uma jogada vergonhosa. Na segunda prorrogação, Rose só precisou forçar um pouquinho e matar o jogo.

Destaques:
Derrick Rose (CHI): 34 pontos, 12-23 FG, 8 assistências, 5 rebotes
Pau Gasol (CHI): 17 pontos, 14 rebotes, 5 assistências
Giannis Antetokounmpo (MIL): 25 pontos e 12 rebotes
John Henson (MIL): 15 pontos e 14 rebotes

***

Golden State Warriors 123 @ 119 New Orleans Pelicans - prorrogação

Monty Williams foi perfeito em sua estratégia. O Golden State não jogou mal, pelo contrário, fez o que sempre fez, mas a ideia de colocar Ryan Anderson e Anthony Davis juntos no garrafão fez com que a cada bola dos Warriors, os Pelicans respondessem, e ainda por muitas vezes contavam com a mira torta de Stephen Curry. Logo, os três primeiros quartos acabaram com vantagem de 20 pontos para New Orleans.

Os Warriors sabiam que a derrota havia sido mérito dos Pelicans, então não havia motivo para mudar o padrão de jogo. Ele permaneceu o mesmo, e Curry conseguiu pegar o jeito já tarde da noite. Foram seguidas bolas de três, diminuindo para 10 pontos a cinco minutos do fim. Apesar da vantagem, a torcida já entrava em colapso, e mesmo com cinco pontos à frente no último minuto, viu o candidato a MVP acertar uma bola de três espetacular para levar o jogo para a prorrogação. No overtime, os Pelicans estavam tão atordoados que foram presa muito fácil para o Golden State, cada vez mais calejado.

Destaques:
Stephen Curry (GS): 40 pontos, 7-18 3PT e 9 assistências
Draymond Green (GS): 12 pontos, 17 rebotes (7 ofensivos) e 5 assistências
Anthony Davis (NO): 29 pontos, 11-22 FG e 15 rebotes

Na página da NBA, todos os detalhes da competição.

0 comentários :

Postar um comentário