sexta-feira, 17 de abril de 2015

NBB: Palmeiras faz valer mando de quadra e força jogo 5 contra Franca

Superior no segundo tempo, Palmeiras mantém invencibilidade histórica no Palestra Itália, bate Franca novamente e leva decisão da vaga nas quartas para o Jogo 5


Do site oficial da Liga Nacional de Basquete.

17/04/2015 - Nesta quinta-feira, o Palmeiras/Meltex provou mais uma vez a força do Palestra Itália e permaneceu vivo na briga por uma vaga nas quartas do NBB 7. Diante mais de 1.300 apaixonados torcedores, a equipe alviverde repetiu o desfecho da partida anterior e novamente bateu o Franca como mandante, desta vez por 63 a 56, resultado que deixou a série oitavas de final empatada em 2 a 2.

Com o resultado, o time de Parque Antártica manteve a invencibilidade atuando em seus domínios em partidas de playoffs na história do NBB. Na temporada passada, os palmeirenses venceram os dois jogos em casa das oitavas contra o São José/Unimed e, nesta edição, repetiu o feito, levou a melhor nas duas partidas contra o esquadrão da Capital do Basquete em seu ginásio e manteve a escrita caseira.

Neto, do Palmeiras, e Figueroa, do Franca. 
(Foto: Fábio Menotti/Ag. Palmeiras)

“O que eu sempre prego nos jogos em casa é muita luta e determinação. Debaixo dessa torcida pode acontecer qualquer coisa, menos a gente deixar de correr e lutar. Tomamos apenas 56 pontos de Franca, um placar baixo, o que mostra a qualidade da nossa defesa hoje. Precisamos melhorar nosso ataque se quisermos vencer lá em Franca. Mas agora vamos trabalhar nosso mental para ir bem pra lá e conseguir essa vaga”, disse o técnico do Palmeiras, Régis Marrelli.

Agora, depois do empate na disputa pela vaga nas quartas de final, o quinto e decisivo jogo da série entre francanos e palmeirenses será neste domingo (19/04), no Ginásio Pedrocão, em Franca (SP), às 11 horas (de Brasília), com transmissão ao vivo via web no site da LNB, através do link www.lnb.com.br/tempo-real.

Para saírem de quadra com o importantíssimo triunfo, os comandados do técnico Régis Marrelli apresentaram um ótimo desempenho no terceiro quarto, no qual venceram por 12 pontos de diferença (22 a 10) e conseguiram construir vantagem fundamental para segurar o resultado positivo nos dez minutos finais. Vindo muito bem do banco, o ala/armador argentino Nicolás Gianella teve papel importantíssimo no êxito palmeirense ao registrar 13 pontos e distribuir cinco assistências. Outro que se sobressaiu foi o também ala/armador Neto, que deixou a quadra com 16 pontos e foi o cestinha da partida. Com sete pontos e sete assistências, o ídolo Maxi Stanic também foi peça chave para o resultado.

Pelo lado do Franca, os destaques ficaram por conta do ala Léo Meindl, que mesmo sob forte marcação da equipe alviverde, foi o maior pontuador de seu time, com 15 pontos, além de ainda ter apanhado sete rebotes. O ala/pivô Lucas Mariano, com 12 pontos, também se sobressaiu na equipe francana, assim como o ala argentino Marcos Mata, autor de um duplo-duplo de 10 pontos e 10 rebotes.

“Eles (Palmeiras) jogaram em cima de um jogo cadenciado, dando pancada, o que é normal, é assim mesmo. Eles usaram isso à favor deles e nós não soubemos reverter. Agora é ir pra Franca, jogar em casa e fazer o que fizemos no segundo jogo”, comentou Léo Meindl, que ainda roubou três bolas e totalizou 12 de eficiência.

O jogo 

O confronto começou morno, mas aos poucos foi ganhando intensidade. Melhor na defesa, o Franca saiu na frente e colocou 7 a 2 no placar, no entanto, viu o Palmeiras crescer na partida e, com ótima entrada do ala/argentino Nico Gianella, não só encostar como passar à frente e ainda abrir cinco pontos (12 a 7). Desta forma, o período, marcado pela força das defesas, terminou com 12 a 8 para os donos da casa.

Com linda cravada de Jhonatan logo no primeiro ataque da parcial seguinte, a vantagem alviverde subiu para seis pontos (14 a 8). Os francanos encostaram minutos mais tarde (14 a 13) e não deram mais sossego para a equipe da capital paulista. E como. Com ótima participação de Léo Meindl, autor de 11 pontos, os comandados de Lula Ferreira colocaram cinco pontos de frente (27 a 22) e foram para os vestiários vencendo, por 29 a 26.

Na volta do intervalo, o duelo ficou quente. Com boa sequência de contra ataques, os donos da casa contaram mais uma vez com boa participação de Gianella para emplacar uma incrível corrida de 14 a 2 e não só virar como abrir nove pontos de vantagem (40 a 31). A diferença chegou a ser de 12 pontos (44 a 32) e terminou em nove tentos para os donos da casa (48 a 39).

Marcando por zona, o Franca conseguiu neutralizar as ações ofensivas do Palmeiras e igualar a partida (50 a 47). O clube alviverde conseguiu segurar a pressão francana e consolidar boa diferença no placar. Empurrado por sua torcida, o time do técnico Régis Marrelli atuou com mais precisão e tranquilidade na reta final da partida e conquistou a crucial vitória, pelo placar de 63 a 56.

***

Franca Basquete (8º) 2x2 Palmeiras/Meltex (9º)
Jogo 1:
Jogo 2:
Jogo 3:
Terça (14/4), às 20h: Palmeiras 80x73 Franca, no Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Jogo 4:
Quinta (16/4), às 20h: Palmeiras 63x56 Franca, no Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Jogo 5:
Domingo (19/4), às 11h: Franca x Palmeiras, no Pedrocão, em Franca (SP)

Na página do NBB, detalhes da competição.

0 comentários :

Postar um comentário