terça-feira, 14 de abril de 2015

NBB: Em temporada "acima da meta", Minas tenta garantir classificação em Macaé

Após perder um dos dois jogos em casa, minas-tenistas já estão no Rio para duas partidas nesta quarta (15) e sexta (17)

De Belo Horizonte.
Por João Vitor Cirilo.

14/04/2015 - A campanha do Minas Tênis Clube na atual temporada do Novo Basquete Brasil é surpreendente, de certa maneira. Não pela qualidade dos atletas, mas pelas campanhas anteriores da equipe de Belo Horizonte na liga nacional. Desde o início deste NBB 7, a equipe comandada pelo técnico Demétrius Ferracciú esteve bem colocada na classificação, aparecendo entre os cinco primeiros e com chances reais até a reta final para terminar entre os quatro melhores times, grupo dos que se classificaram diretamente à segunda rodada dos playoffs, as quartas de final. Foram 17 vitórias em 30 jogos, 56,7% de aproveitamento.

Como terminou na quinta posição, o Minas está disputando as oitavas contra o Macaé, 12º colocado da primeira fase e pior classificado entre os que avançaram. No primeiro jogo, disputado na última sexta-feira (10), vitória mineira por 90 a 78. Já no segundo duelo, no domingo (12), o Minas começou mal, chegou a estar em desvantagem de 23 pontos, conseguiu forçar a prorrogação, mas foi derrotado pela equipe carioca por um ponto, 81 a 80. Os dois jogos foram realizados na Arena Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte.

O técnico Demétrius chefia a boa temporada minas-tenista. 
(Foto: Thomás Santos/Estúdio Treze)

O Minas já partiu ao Rio de Janeiro onde realiza os próximos dois jogos da melhor de cinco, no Tênis Clube de Macaé. O terceiro confronto está marcado para esta quarta-feira (15), às 19h30 (de Brasília), com transmissão ao vivo do site da Liga Nacional de Basquete. O jogo 4 será na sexta-feira (17), também às 19h30. Caso seja necessário, ou seja, se cada uma das equipes vencer um dos jogos, o quinto duelo será novamente em Belo Horizonte, na segunda-feira da próxima semana, dia 20.

O grande responsável pela reformulação do basquete minas-tenista, que há muitas temporadas não fazia campanha tão positiva, é o técnico Demétrius, apostando na renovação e utilizando o tradicional bom trabalho minas-tenista com os jovens atletas. "A expectativa era fazer um trabalho de renovação, junto a uma mescla com jogadores experientes, e dentro do NBB o objetivo maior era classificar. Mas ao mesmo tempo, o time foi evoluindo muito, com dedicação e o trabalho do dia a dia dos meninos e isso foi dando um resultado muito gratificante. O importante é que os meninos tiveram espaço e os mais experientes tiveram a paciência e sabedoria de acolhê-los", avalia o treinador que tem experiência nas seleções de base do Brasil e como auxiliar da equipe principal, após a carreira como atleta.

Demétrius está confiante na classificação, apesar da derrota no jogo 2. O Minas terá que vencer um dos dois jogos fora de casa. "É um playoff muito equilibrado. Vencemos bem o primeiro jogo, mas em playoffs não podemos ficar comemorando muito uma vitória nem lamentando uma derrota. No segundo jogo, fomos apáticos, não conseguimos fazer o combinado, mas apesar da derrota, a equipe saiu fortalecida pelo fato de buscar o resultado adverso de 23 pontos e praticamente conseguir uma virada", destaca Demétrius. "Isso fortalece minha equipe e mostra a capacidade que tem pra podermos ganhar aqui em Macaé", confia.

Forte defesa tem sido o destaque do Minas.
(Foto: Thomás Santos/Estúdio Treze)
  
O técnico minas-tenista considera a ótima defesa, a melhor da primeira fase, como o fator primordial para o bom desempenho da equipe neste ano. "É considerada a melhor defesa do campeonato e isso traz uma segurança muito grande dos jogadores e no poder ofensivo, para poder fazer contra-ataque, ter maior volume de jogo. Normalmente, sempre temos um volume de jogo maior do que os adversários", opina o treinador.

Demétrius também considera que a temporada tem sido extremamente positiva, acima das expectativas iniciais. "Cumprimos acima da meta nossa primeira fase. Agora, nosso objetivo é passar pra nos manter entre os cinco primeiros colocados da liga nacional, o que nos daria uma vaga pra jogar uma liga sul-americana na próxima temporada", conclui. Quem avançar da melhor de cinco entre Minas e Macaé encara o Mogi das Cruzes/Helbor, quarto colocado na primeira fase.  

0 comentários :

Postar um comentário