sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Em casa, Bauru atropela Uberlândia e segue líder do NBB

Massacrando do primeiro ao terceiro quarto, Paschoalotto/Bauru mostrou que não é líder por acaso e alcançou a 18º vitória seguida na competição


De Belo Horizonte.
Por Vinícius Silveira.

27/02/2015 - Após a classificação ao Final Four da Liga das Américas, o Paschoalotto/Bauru segue arrasador também no Novo Basquete Brasil 2014/15. A equipe bauruense fez, nesta quinta-feira (26), mais uma vítima no campeonato. Desta vez, o Unitri/Pilhas Energizer não foi páreo para o time paulista e perdeu por 87 a 64, no Ginásio Panela de Pressão, em Bauru. A 18ª vitória seguida do Bauru no NBB ainda representou a quebra de um indigesto tabu, já que desde o NBB 3 os bauruenses não venciam a equipe de Uberlândia (já estamos no NBB 7).

O cestinha do duelo saiu do banco de reservas. O ala Gui Deodato, do Bauru, marcou 23 pontos na partida, sendo 15 no segundo quarto e oito no terceiro. Os pivôs Rafael Hettshemeir e Murilo Becker marcaram 21 e 11 pontos, respectivamente. Pelo lado do Unitri, os alas Audrei e Taboada anotaram 19 e 13 pontos, seguidamente.

(Foto: Divulgação/Sergio Domingues)

O Paschoalotto/Bauru segue líder e sobrando na competição, com 21 vitórias nos 23 jogos que disputou (91.3% de aproveitamento). O Unitri vai mal das pernas e perdeu a chance de ultrapassar o Basquete Cearense para seguir na luta pela classificação. A equipe mineira é a 14ª colocada, com sete vitórias em 25 embates (28% de aproveitamento). Os 12 primeiros avançam aos playoffs e, no momento, o Uberlândia tem uma vitória a menos e um jogo a mais que o Macaé, atual 12º.

Bauru volta a jogar neste sábado (28), quando recebe o Minas às 17h. Uberlândia joga novamente no dia 12, também contra o time minas-tenista, atual quinto colocado (16-8).

O jogo

Mostrando velocidade e intensidade no jogo, o Bauru começou dando as cartas e abriu 10 a 2 nos primeiros minutos. Mesmo reduzindo o ritmo e cadenciando mais a partida, a equipe paulista chegou a abrir 14 pontos de vantagem (21 a 7), fechando o primeiro quarto em 26 a 12. O segundo período foi uma repetição do anterior, com o Bauru chegando a 20 pontos de diferença (38 a 18). Sem reação e praticamente rendidos ao bom jogo dos bauruenses, só restou aos uberlandenses fechar o primeiro tempo perdendo por 23 pontos em 49 a 26 (23 a 12 na parcial).

O segundo tempo teve um Bauru alucinante e um Unitri pouco agressivo. O resultado foi a diferença de pontos aumentando sistematicamente. Após a metade do terceiro quarto, a vantagem era de 35 pontos para os bauruenses, que fecharam a etapa em 78 a 46 (29 a 20 na parcial). Com o jogo ganho, o técnico Guerrinha colocou os jovens atletas em quadra no último quarto e Bauru diminuiu a intensidade. O Unitri cresceu, venceu por 18 a 9, mas muito longo ainda da virada. 87 a 74 para o líder do NBB.

0 comentários :

Postar um comentário