segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Superliga Feminina: Em jogo de altos e baixos, 'embalado' Brasília bate São Bernardo no tie-break

Jogando fora de casa, equipe do Distrito Federal vence por 3 sets a 2 e chega a seis triunfos consecutivos, em sexto lugar


De Belo Horizonte.
Por João Vitor Cirilo.

05/01/2015 - Abrindo o ano da Superliga Feminina de Vôlei 2014/2015, São Bernardo e Brasília alternaram momentos positivos e apagões na noite desta segunda-feira (5). O duelo válido pela 14ª rodada (primeira do segundo turno) e disputado em São Bernardo do Campo, no ginásio Adib Moysés Dib, teve vitória visitante. O Brasília venceu por 3 sets a 2, com parciais de 25/18, 19/25, 25/15, 16/25 e 15/13, em mais de duas horas e meia de jogo. Foi a sexta vitória consecutiva da equipe brasiliense na temporada.

O resultado mantém o Brasília em sexto lugar, com 22 pontos e oito vitórias em 13 jogos. Já o São Bernardo sobe momentaneamente para o nono lugar, com 10 pontos e três vitórias em 13 jogos, e torce contra o Rio do Sul/Equibrasil e o Uniara/AFAV para não perder posições. 

O bloqueio foi uma das armas do Brasília. Foram 15 pontos neste fundamento, sendo oito de Angélica. 
(Foto: Divulgação/São Bernardo Vôlei)

Apesar da derrota, destaque para os 26 pontos da ponteira Mari Helen, do São Bernardo. Do lado do Brasília, 14 pontos da central Angélica, sendo oito de bloqueio. A ponteira Bruna, que substituiu Paula Pequeno durante o jogo, foi escolhida a melhor em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei. Ela anotou nove pontos.

São Bernardo volta a jogar na terça-feira da próxima semana (13), em duelo local contra o São Cristóvão Saúde/São Caetano, novamente em São Bernardo do Campo (SP). O Brasília folga na 15ª rodada e só joga no dia 23, também contra o São Caetano, no interior paulista. Antes, pela Copa Banco do Brasil, o time enfrenta o Molico/Nestlé, em Osasco, pela primeira fase do torneio de mata-mata.

Quando a bola subiu...

Regular no ataque e aproveitando os erros adversários, o Brasília saltou na frente e abriu 5 a 3. Sem deixar as visitantes abrirem vantagem, São Bernardo logo empatou em 5 a 5, mas viu Brasília fez 8 a 6 com o ataque de Paula Pequeno e o bloqueio de Ananda, levantadora que fazia boa distribuição. Uma sequência positiva na metade do set, contando com um ace da oposta Elisângela, fez o Brasília abrir 16 a 11. A vantagem possibilitou uma reta final tranquila, apesar da equipe brasiliense demorar a fechar o jogo. 25 a 18.

São Bernardo entrou com tudo no segundo set, abrindo 3 a 0 com um bloqueio de Carla e um ace de Ciça, mas logo Brasília equilibrou o duelo, com bons ataques de Elisângela. A virada veio em um bloqueio de Roberta, para 6 a 5. Ainda assim, quem chegou em vantagem no primeiro tempo técnico foi o São Bernardo, em 8 a 6. Após a primeira parte do set, São Bernardo acabou abrindo vantagem com tranquilidade, graças a boa distribuição da levantadora Sabrina. O time todo pontuava bem e a vitória veio em 25 a 19. 1 a 1 no jogo. Destaque para os seis pontos da ponteira Mari Helen, que já acumulava 12 no jogo.

Ninguém conseguia embalar no terceiro set. Mari Hellen seguia a melhor ofensivamente no São Bernardo, mas o time da casa cometia muitos erros. Dos primeiros oito pontos do Brasília, cinco foram cedidos pelo adversário, o que deixou o placar em 8 a 6. A igualdade no placar veio logo depois, mas Elisângela desequilibrou no saque e Brasília voltou a abrir dois. Com bom desempenho do bloqueio, boa participação das reservas Jéssica e Bruna e o apagão adversário, o time do Distrito Federal abriu longa vantagem pra fazer 25 a 15 e 2 a 1 no jogo.

No quarto set, foi a vez do São Bernardo abrir longa vantagem. Com bons ataques da ponteira e capitã Ciça, o time do ABC Paulista abriu boa vantagem e a manteve com certa tranquilidade, chegando a 16 a 11 no segundo tempo técnico. Apesar da ameaça de crescimento do Brasília, São Bernardo forçou o tie-break vencendo por 25 a 16.

No quinto set, dois times ainda irregulares e muitos erros. Em um deles, Bruna recepcionou mal o saque de Ariane e São Bernardo abriu 6 a 3. O tempo de Sérgio Negrão não adiantou nada e, no lance seguinte, novo ace. Quando se achava que a vitória paulista estaria encaminhada, Brasília chegou novamente, empatou em 11 a 11 e virou em 12 a 11, com destaque para a central Angélica, responsável por três bloqueios e dois ataques na parcial. A vitória apertada veio em um erro de ataque de Mari Helen. 15 a 13 e 3 sets a 2 para o Brasília.

Ficha do jogo: 

São Bernardo Vôlei 2x3 Brasília Vôlei 
18/25, 25/19, 15/25, 25/16 e 13/15

SÃO BERNARDO: 
Começaram: Sabrina, Wime, Mari Helen, Ciça, Vivi Góes e Carla. Líbero: Teny. 
Entraram: Carla, Arianne, Maiara e Dalila. 
Técnico: Flávio Aniceto 

BRASÍLIA: 
Começaram: Ananda, Elisângela, Michelle, Paula Pequeno, Roberta e Angélica. Líbero: Verê. 
Entraram: Bruna, Jéssica, Edna e Priscila. 
Técnico: Sérgio Negrão 

Local: Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP) 
Data: 05/01/2014 
Horário: 21h (de Brasília) 

Maior pontuadora: Mari Helen (SBC) - 26 pontos
Troféu VivaVôlei - melhor em quadra: Bruna (BSB)

***

14ª rodada (1ª do 2º turno):
Segunda (5/1), às 21h: 
São Bernardo 2x3 Brasília, no Adib Moises Dib, em São Bernardo do Campo (SP) - 18/25, 25/19, 15/25, 25/16 e 13/15 - ao vivo no SporTV
Terça (6/1), às 19h30: 
Molico/Nestlé x Maranhão, no José Liberatti, em Osasco (SP)
Praia Clube x Rio do Sul, no Praia Clube, em Uberlândia (MG)
20h: 
São Caetano x Uniara, no Lauro Gomes, em São Caetano do Sul (SP)
Quarta (7/1), às 17h: 
Sesi-SP x São José dos Campos, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP)
Terça (20/1), às 19h30: 
Pinheiros x Minas, no Henrique Villaboim, em São Paulo (SP)

0 comentários :

Postar um comentário