segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

NFL: Manning e Romo dão adeus às chances de título

Broncos e Cowboys perdem, e dois dos melhores quarterbacks da temporada dão adeus ao título da NFL


De Aracaju.
Por Henrique Ferrera.

12/01/2015 - Estão definidas as finais de conferência da NFL. Nesse domingo (11), mais duas equipes carimbaram passaporte para o último passo antes do Super Bowl. Tony Romo, possível MVP da temporada, sucumbiu diante dos Packers e de um Aaron Rodgers completamente recuperado; já em Denver, Peyton Manning viu seu sucessor Andrew Luck eliminá-lo diante de sua torcida.

Aaron Rodgers superou lesão e levou Green Bay à vitória.
(Foto: AP/Nam Y. Huh)

NFC: Green Bay Packers 26 x 21 Dallas Cowboys

Green Bay se recuperou de uma desvantagem de 11 pontos graças à Aaron Rodgers, que no último período lançou dois passes para touchdown e deu a vitória aos Packers no playoff de divisão da NFC. Uma importante ajuda também foi a de uma revisão de vídeo, anulando uma jogada com 4:06 para o final do jogo, e mantendo Green Bay invencível no Lambeau Field na temporada.

Dez Bryant fez uma recepção crucial na linha de uma jarda, em uma quarta para duas jardas, mas Green Bay desafiou e o árbitro Gene Steratore reverteu a decisão. Em vez de uma primeira para o gol para Dallas, a bola foi para os Packers.

Os Cowboys não visitavam Green Bay em pós-temporadas desde o Ice Bowl de 1967, que valia o título da NFL, e acabaram derrotados pela primeira vez fora de casa na temporada, após venceram oito. O ícone Rodgers, incomodado por uma lesão na panturrilha esquerda, tirou o time do buraco encontrando Davante Adams em passe de 41 jardas, e depois para o tight end Richard Rodgers em passe de 13 jardas para dar a vantagem à Green Bay, que não a perdeu mais.

Andrew Luck eliminou 'mestre' Peyton Manning fora de casa.
(Foto: AP/Joe Mahoney)

AFC: Denver Broncos 13 x 24 Indianapolis Colts

Andrew Luck lançou dois passes para touchdown e Indianapolis passou por Peyton Manning e o Denver nos playoffs da AFC. T.Y. Hilton foi o alvo preferido de Luck, e apesar de não ter marcado, teve médias de 18 jardas por recepção. Coby Fleener também teve bons números no quesito, além de ter sido peça fundamental em uma difícil recepção que manteve um drive vivo.

Os Broncos vão ficar se lamentando após outro debacle nos playoffs - e é possível que surjam dúvidas sobre a continuidade de Manning na equipe, e também do técnico John Fox. Manning, que chegou aos Broncos em 2012 após ser liberado por Indy, mais uma vez foi eliminado no seu primeiro jogo dos playoffs, fato que ocorreu pela nona vez em sua carreira superestelar. Isso inclui duas eliminações em Denver, onde ele tem campanha 38-10 na temporada regular, mas só 2-4 nos playoffs.

No total, Manning tem 11-13 em jogos de pós-temporada e esta foi uma de suas piores performances em playoff na história.

Finais de conferência: 
Domingo (18/1), às 18h05: 
Seattle Seahawks x Green Bay Packers (NFC)
21h40: 
New England Patriots x Indianapolis Colts (AFC)

0 comentários :

Postar um comentário