quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Eficiente, Corinthians vence o líder Cruzeiro no Mineirão

À espera de um contra-ataque, Timão aproveita erro celeste para voltar a colar no G-4; Raposa perde apenas a segunda em casa no ano

De Belo Horizonte.
Por Vinícius Silveira.

08/10/2014 - Longe de repetir um daqueles jogos que encantaram os torcedores em outros tempos, Cruzeiro e Corinthians se enfrentaram na noite desta quarta-feira (8), no Mineirão, em Belo Horizonte. A equipe paulista venceu por 1 a 0, gol marcado pelo atacante Luciano, que entrou no segundo tempo. O jogador vindo do Avaí tem se tornado uma espécie de talismã do técnico corintiano Mano Menezes, pois sempre entra nas partidas e deixa sua marca.

As duas equipes entraram em campo sentindo ao máximo os desfalques devido às convocações para as seleções nacionais. Éverton Ribeiro, Gil e Elias estão servindo a seleção brasileira. Lodeiro está por conta do selecionado uruguaio, e Paolo Guerreiro com a peruana. Para complicar pelo lado celeste, Dedé estava suspenso e Ricardo Goulart está lesionado.

Luciano (à esquerda) comemora com Malcom o gol da vitória.
(Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians/Divulgação)

Com o resultado, o Cruzeiro segue na liderança isolada com 56 pontos e agora com sete pontos de diferença para o segundo colocado, o São Paulo. Se vencer a Chapecoense nesta quinta, o Inter retoma a vice-liderança e encurta a diferença para seis pontos. O Corinthians chegou aos 46 pontos e só não retornou ao G-4 porque o Grêmio venceu seu compromisso contra o Sport.

Na próxima rodada, a equipe celeste encara o Flamengo no Maracanã, no domingo (12), às 16h20. Um dia antes, no sábado (11), o Timão também atua no Rio de Janeiro, contra o Botafogo, às 18h30.

O jogo

Como era esperado, o Cruzeiro tomou conta do primeiro tempo logo nos primeiros minutos, quando a equipe celeste utilizava a mobilidade de seu meio-campo e as linhas adiantadas para pressionar o Corinthians. O Timão se plantou na defesa, com os 11 jogadores atrás da linha média esperando uma chance no contra-ataque, explorando a velocidade de Romero e Malcom. Mesmo em um estilo de jogo defensivo, mostrou qualidades quando a bola chegava em Renato Augusto, o melhor do time.

O goleiro corintiano Cássio teve que trabalhar aos 19 minutos, no chute cheio de veneno de Marcelo Moreno. Pouco depois, foi a vez de Marquinhos assustar. Por sua vez, o Corinthians passou a buscar o gol em chances de bola parada. A primeira na falta cobrada por Renato Augusto, que parou no travessão de Fábio, e depois no cabeceio de Anderson Martins aproveitando escanteio cobrado pelo camisa oito paulistano.

No segundo tempo, o panorama do jogo foi alterado. O Corinthians passou a dar mais trabalho e equilibrou o confronto entre os dois times. O Cruzeiro chegou a ter três atacantes de ofício e apostava na velocidade para ganhar o jogo. Aos 28 minutos, a jogada que o Timão tanto esperava aconteceu. Petros roubou a bola após erro de Henrique, driblou dois jogadores e passou para Luciano, que saiu do zagueiro Léo e bateu no canto direito de Fábio.

Sem conseguir reagir no jogo, o Cruzeiro tentou chegar ao gol a todo instante, a ponto de deixar apenas o goleiro Fábio no campo de defesa, mas pecava nas finalizações e esbarrava na firmeza da defesa corintiana. O Corinthians se segurava no campo defensivo, armando uma verdadeira parede contra o ataque celeste e esperando o contra-ataque. 

Grêmio dorme no G-4

O Grêmio fez o dever de casa e venceu o Sport Recife por 2 a 0, na Arena do Grêmio. Os gols gremistas foram marcados por Alan Ruiz e Dudu, um em cada tempo. Com o resultado, o Tricolor gaúcho entrou no G-4 com 46 pontos e torce por um empate entre Fluminense e Atlético-MG, que jogam nesta quinta-feira (9), no Maracanã, para seguir na zona de classificação para a Taça Libertadores da América. O Leão da Ilha, que não vence há quatro jogos, segue na metade da tabela, em nono lugar, com 36 pontos. 

Ficha do jogo:

Cruzeiro 0 x 1 Corinthians

CRUZEIRO:
Fábio; Mayke, Léo, Manoel e Egídio (Ceará); Henrique, Lucas Silva, Marlone (Dagoberto), Marquinhos e Willian (Alisson); Marcelo Moreno.
Técnico: Marcelo Oliveira

CORINTHIANS:
Cássio; Fagner, Felipe, Anderson Martins e Fábio Santos; Bruno Henrique (Danilo), Guilherme Andrade (Ferrugem), Petros e Renato Augusto; Malcom e Ángel Romero (Luciano)
Técnico: Mano Menezes

27ª rodada do Campeonato Brasileiro 2014
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Público: 32.958 pagantes - 34.668 presentes
Renda: R$1.509.747,00
Data: 08/10/2014
Horário: 22h (de Brasília)

Gol: Luciano, aos 28 minutos do segundo tempo

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (FIFA-RS)
Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Kleber Lucio Gil (SC) 


***

27ª rodada - Brasileirão: 
Quarta (8/10), às 19h30: 
Coritiba 1x0 Criciúma
21h: 
Vitória 2x2 Goiás
22h: 
Grêmio 2x0 Sport
Figueirense 1x2 Flamengo
Quinta (9/10), às 19h30: 
Fluminense x Atlético-MG
Santos x Bahia
20h30:
Chapecoense x Internacional 

Classificação: 
1º - Cruzeiro - 56 pontos (27 jogos) 
2º - São Paulo - 49 pontos (27 jogos)
3º - Internacional - 47 pontos (26 jogos)
4º - Grêmio - 46 pontos e 13 vitórias (27 jogos)
5º - Corinthians - 46 pontos e 12 vitórias (27 jogos)
6º - Atlético-MG - 43 pontos (26 jogos)
7º - Fluminense - 41 pontos (26 jogos)
8º - Santos - 39 pontos (26 jogos)
9º - Sport - 36 pontos (27 jogos)
10º - Goiás - 34 pontos, 9 vitórias e -2 gols de saldo (27 jogos)
11º - Flamengo - 34 pontos, 9 vitórias e -8 gols de saldo (27 jogos)
12º - Figueirense - 32 pontos (27 jogos)
13º - Palmeiras - 31 pontos e 9 vitórias (27 jogos)
14º - Atlético-PR - 31 pontos e 8 vitórias (27 jogos)
15º - Bahia - 30 pontos (26 jogos)
16º - Coritiba - 29 pontos (27 jogos)
17º - Chapecoense - 28 pontos, 7 vitórias e -8 gols de saldo (26 jogos)
18º - Vitória - 28 pontos, 7 vitórias e -10 gols de saldo (27 jogos)
19º - Criciúma - 27 pontos (27 jogos)
20º - Botafogo - 26 pontos (27 jogos)

0 comentários :

Postar um comentário