quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Só no fim

Em jogo difícil, Cruzeiro vence Grêmio e abre cinco pontos de vantagem na liderança do Brasileirão

De Belo Horizonte.
Por Júlia Alves.

21/08/2014 - O Cruzeiro continua imbatível no Mineirão, mas desta vez encontrou dificuldades para vencer o Grêmio. Apesar da vitória por 1 a 0, no encerramento da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe celeste sofreu para superar a forte marcação imposta pelo Tricolor em toda a partida. A Raposa teve muito volume de jogo, porém, esbarrou em um adversário muito aplicado taticamente e que soube reduzir os espaços para parar o grande ataque cruzeirense. O gol só foi sair aos 40 minutos da etapa final em uma grande jogada de Dedé, que roubou a bola, partiu para o ataque e cruzou na cabeça de Dagoberto. Com a vitória, o Cruzeiro é cada vez mais líder do Brasileirão, com 36 pontos e cinco a mais do que Inter e Corinthians. O Grêmio está na décima colocação, com 22 pontos, e vê o G-4 mais distante.

No domingo (24), a Raposa pega o Goiás, às 18h30 (de Brasília), no Serra Dourada. O Tricolor encara o Corinthians, no mesmo dia, às 16h na Arena do Grêmio.

Desde o início do jogo, o Grêmio marcou bem os laterais do Cruzeiro, Mayke e Egídio (foto).
(Foto: Gualter Naves/Light Press/Divulgação Cruzeiro)

O jogo

Em casa, foi o Cruzeiro quem propôs jogo, tentou se lançar ao ataque, mas esbarrou na forte marcação do time gaúcho. O meio de campo estava congestionado e os laterais cruzeirenses, que poderiam ser uma boa válvula de escape, estavam bem anulados. Quando a Raposa trocava passes com mais velocidade, principalmente com Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart, chegava a ameaçar, porém, Marcelo Grohe fez boas defesas.  

Se Grohe salvou o Tricolor por algumas vezes, o goleiro Fábio fez verdadeiros milagres para evitar o gol dos gaúchos. O Grêmio cresceu a partir da metade do primeiro tempo, explorando os contra-ataques com Luan e Dudu. O último, formado no Cruzeiro, criou duas chances claríssimas. O atacante somente não marcou graças a duas excelentes defesas do goleiro Fábio, a primeira aos 24 minutos e a outra aos 31.

A partida, no segundo tempo, ficou mais aberta. O Cruzeiro pressionou o oponente e criou boas oportunidades, como aos 21 minutos, em chute forte de fora da área de Nilton, espalmado por Grohe. No entanto, os avanços cruzeirenses acabavam deixando espaço para o Grêmio sair em contra-ataque. O principal jogador tricolor foi Dudu que, com velocidade, criou muita dificuldade para a marcação celeste. Luan foi outro gremista que estava bem no ataque. Aos 31 minutos, ele passou entre Dedé e Léo, mas viu Fábio fechar o ângulo e salvar o time mineiro.

O tempo passava e os jogadores não desistiam de marcar o gol. Aos 35 minutos, o Cruzeiro até chegou a balançar as redes após cobrança de falta de Éverton Ribeiro. Entretanto, o árbitro anulou, assinalando falta no goleiro gremista. Em um jogo tão disputado como esse, o confronto é decidido em detalhes. Aos 40 minutos, Dedé roubou a bola de Luan, avançou e tabelou com Alisson. A defesa do Grêmio só observou a construção da jogada, que terminou em um cruzamento do zagueiro na medida para Dagoberto estufar os barbantes e garantir mais três pontos para a Raposa.

Ficha de jogo:

Cruzeiro 1 x 0 Grêmio

CRUZEIRO:
Fábio; Mayke, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva (Nilton), Everton Ribeiro e Ricardo Goulart; Willian (Alisson) e Júlio Baptista (Dagoberto).
Técnico: Marcelo Oliveira.

GRÊMIO:
Marcelo Grohe; Pará, Werley, Rhodolfo e Zé Roberto; Fellipe Bastos, Ramiro, Riveros (Edinho), Luan e Dudu; Ronan (Fernandinho).
Técnico: Felipão

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Público: 32.294 - 34.335 presentes
Renda: R$ 1.413.807
Data: 21/08/2014
Horário: 20h30 (de Brasília)

Gol: Dagoberto, aos 40 minutos do segundo tempo (Cruzeiro)

Árbitro: Flavio Rodrigues Guerra (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Munis (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

Cartões amarelos: Lucas Silva, Henrique, Nilton e Dedé (Cruzeiro); Edinho, Dudu e Zé Roberto (Grêmio)

***

Brasileirão - 16ª rodada: 
Quarta (20), às 19h30: 
Sport 2x1 Palmeiras 
Figueirense 1x0 Botafogo 
21h: 
Coritiba 2x0 Vitória 
Bahia 0x0 Criciúma 
21h50: 
Chapecoense 1x0 Fluminense 
Quinta (21), às 19h30: 
Corinthians 5x2 Goiás 
20h30: 
Cruzeiro 1x0 Grêmio

Classificação: 
1º - Cruzeiro - 36 pontos (16 jogos) 
2º - Internacional - 31 pontos e 9 vitórias (16 jogos)
3º - Corinthians - 31 pontos e 8 vitórias (16 jogos)
4º - São Paulo - 29 pontos (16 jogos)
5º - Fluminense - 26 pontos (16 jogos)
6º - Sport - 25 pontos (16 jogos)
7º - Santos - 23 pontos, 6 vitórias e 6 gols de saldo (16 jogos)
8º - Atlético-MG - 23 pontos, 6 vitórias e 3 gols de saldo (16 jogos)
9º - Atlético-PR - 23 pontos, 6 vitórias e 1 gols de saldo (16 jogos)
10º - Grêmio - 22 pontos (16 jogos)
11º - Goiás - 20 pontos (16 jogos)
12º - Chapecoense - 19 pontos, 5 vitórias e -4 gols de saldo (16 jogos)
13º - Flamengo - 19 pontos, 5 vitórias e -9 gols de saldo (16 jogos)
14º - Figueirense - 17 pontos e 5 vitórias (16 jogos)
15º - Criciúma - 17 pontos e 4 vitórias (16 jogos)
16º - Botafogo - 16 pontos (16 jogos) 
17º - Coritiba - 15 pontos, 3 vitórias e -3 gols de saldo (16 jogos)
18º - Bahia - 15 pontos, 3 vitórias e -5 gols de saldo (16 jogos)
19º - Vitória - 15 pontos, 3 vitórias e -6 gols de saldo (16 jogos)
20º - Palmeiras - 14 pontos (16 jogos)

0 comentários :

Postar um comentário