quinta-feira, 28 de agosto de 2014

De novo?

Após tirar o São Paulo, Bragantino anula Corinthians e vence o primeiro jogo das oitavas da Copa do Brasil

De Belo Horizonte.
Por Júlia Alves.

28/08/2014 - O Bragantino não mostrou bom futebol, mas teve aplicação tática e conseguiu anular o Corinthians para sair com a vitória por 1 a 0, na Arena Pantanal, abrindo as oitavas de final da Copa do Brasil. O time de Bragança chega com moral após eliminar o São Paulo na terceira fase da competição. O Timão sofreu com a falta de criatividade do seu setor ofensivo e não foi eficiente para vencer a forte marcação imposta pelo adversário. O único gol da partida saiu de um lindo chute de Sandro no início do segundo tempo. Após estar em desvantagem no marcador, o técnico Mano Menezes mexeu em sua equipe e conseguiu oferecer perigo ao Braga. Porém, faltou capricho para concluir as jogadas e reverter o resultado.  

Com a vitória, o Bragantino precisa apenas de empate para conseguir avançar à próxima fase da Copa do Brasil. O time da capital precisa vencer por dois gols de diferença. A partida de volta será na próxima semana, na quarta-feira (3), às 22h (de Brasília), na Arena Corinthians.

Guerrero lamenta chance desperdiçada: o Timão terá que vencer por pelo menos dois gols.
(Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians/Divulgação)

O jogo

O Bragantino foi a campo com a proposta de contra-atacar e deu certo pelo menos no primeiro tempo. Sem dar espaço, o Braga anulou os principais jogadores do oponente e ainda teve algumas oportunidades de marcar. O Corinthians teve maior posse de bola, porém, não conseguiu reverter essa vantagem em oportunidades criadas. Os homens de criação do Timão, Lodeiro e Renato Augusto, tiveram uma atuação apagada e não conseguiram comandar o seu time no ataque. As jogadas ofensivas estavam muito presas a Elias, facilitando a marcação do adversário.

A partida começou pegada, com os dois times cometendo muitas faltas. A forte marcação do Leão criava dificuldades ao Corinthians, que errava muitos passes. Na reta final da primeira etapa, o jogo ganhou mais movimentação e as equipes chegaram perto do gol. Aos 32 minutos, após cobrança de falta, Guerreiro cabeceou com perigo para defesa do goleiro. A resposta do Braga veio aos 40. Sandro finalizou em ótimas condições, mas seu companheiro estava no lugar errado e impediu que a bola entrasse. A melhor oportunidade foi do Timão, aos 42. Anderson Martins acertou a trave depois de cobrança de escanteio.

O Bragantino começou o segundo tempo pressionando a saída de bola corintiana e logo foi recompensado pelo gol. Aos 10 minutos, a bola sobrou para Sandro, que acertou um lindo chute de fora da área. O Corinthians estava perdido em campo, sem criatividade, não conseguia sair da marcação, até que o técnico Mano Menezes colocou mais um atacante e mandou o seu time para frente. Com a equipe mais ofensiva, o Timão teve ótimas oportunidades para igualar o marcador.

Aos 24 minutos, Jadson cobrou falta para o meio da área e Anderson Martins, completamente livre, mandou à esquerda do gol. Dez minutos depois, Romero ajeitou para Romarinho, que avançou e chutou forte, só que para fora. Aos 41 minutos, Romero deu ótimo passe na ponta esquerda para Ferrugem, que bateu e acertou a trave. O Braga ainda perdeu a chance de matar a partida no lance seguinte. Cesinha arriscou de longe e mandou no ângulo esquerdo do goleiro Cássio, que se esticou todo para evitar o segundo. Já nos acréscimos, Ferrugem fez falta para matar o contra-ataque do Bragantino e recebeu cartão vermelho em uma punição rigorosa do juiz.

Noite ruim para os cariocas

Vida dura para os times do Rio de Janeiro na Copa do Brasil. Assim como Bragantino e Corinthians, Botafogo e Ceará abriram as oitavas de final com duelo no Maracanã. O time nordestino, mesmo poupando jogadores, levou a melhor fora de casa, vencendo o Fogão por 2 a 1. Eduardo e Bill marcaram no primeiro tempo para o Ceará e Edílson fez para o Botafogo. O jogo de volta será próxima quarta-feira (3), de novo às 22h, no Castelão. O Vovô jogará por qualquer empate e pode até perder por 1 a 0 para se classificar. Já o Bota precisará vencer por dois gols de diferença ou por um caso marque ao menos três vezes fora de casa.

O prejuízo do Flamengo foi ainda maior. O Mengão encarou o Coritiba no Couto Pereira e perdeu por 3 a 0, com gols de Leandro Almeida, Luiz Antônio (contra) e Zé Love. Na quarta-feira da semana que vem, o Rubro-Negro irá precisar muito do apoio da sua torcida no Maracanã para conseguir reverter o resultado e sair classificado. O Coxa poderá perder até por dois gols de diferença que irá para a fase seguinte.

Ficha de jogo:

Bragantino 1 x 0 Corinthians

BRAGANTINO:
Marcelo Henrique; Samuel Santos, Leonardo, Guilherme Mattis e Bruno Recife; Geandro, Jackson Caucaia (Marcos Paulo) e Sandro; Luisinho (Magno), Cesinha e Nunes (Lincom).
Técnico: PC Gusmão

CORINTHIANS:
Cássio; Ferrugem, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos; Ralf, Elias, Lodeiro (Romarinho) e Renato Augusto (Jadson); Luciano (Romero) e Paolo Guerrero.
Técnico: Mano Menezes

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Público: 28.820 pagantes - 31.472 presentes
Renda: R$ 1.630.540
Data: 27/08/2014
Horário: 22 horas (de Brasília)

Gols: Sandro, aos 10 minutos do segundo tempo

Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Junior (SP) e Vicente Romano Neto (SP)

Cartões amarelos: Sandro (Bragantino); Luciano, Cássio, Ralf (Corinthians)
Cartão vermelho: Ferrugem (Corinthians)

***

Copa do Brasil - Oitavas de final (jogos de ida):
Terça (26/8), às 19h30:
Quarta (27/8), às 19h30: 
América-RN 3x0 Atlético-PR (volta em 3/9, às 19h30) 
22h: 
Bragantino 1x0 Corinthians (volta em 3/9, às 22h)
Coritiba 3x0 Flamengo (volta em 3/9, às 22h)
Botafogo 1x2 Ceará (volta em 3/9, às 22h)
Quinta (28/8), às 20h: 


Grêmio x Santos 

0 comentários :

Postar um comentário