sábado, 2 de agosto de 2014

Ao apagar das luzes

Jogando em casa, América passa sufoco e só marca o gol da vitória contra o ABC nos últimos segundos

De Belo Horizonte.
Por Júlia Alves.

02/08/2014 - Diante de sua torcida, que compareceu em peso ao Independência, o América teve muitas dificuldades para vencer o ABC, mas conseguiu sair vencedor com o placar de 1 a 0, pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o ataque muito previsível, o Coelho criou poucas oportunidades e só marcou o gol da vitória aos 48 minutos do segundo tempo. O "Mais Querido" dominou boa parte do jogo, porém, não conseguiu converter essa superioridade no placar. Com o gol salvador de Andrei Girotto, o América continua 100% em casa e reassume a vice-liderança da competição, com 26 pontos. O ABC fica com 20 pontos, temporariamente na 10ª colocação, já que pode ser ultrapassado pelo Boa Esporte, que tem 18 pontos e joga neste sábado, às 21h, contra o líder Ceará.

Na próxima rodada, o América encara o Icasa no Romeirão, em Juazeiro do Norte (CE), às 19h30 da sexta-feira (8). No dia seguinte, o ABC recebe o Vasco, às 16h20, na Arena das Dunas, em Natal (RN).

Americanos comemoram gol de Andrei Girotto.
(Foto: Divulgação/Site oficial do América)

O jogo

O América mostrou um ataque lento, sem criatividade e movimentação. Mancini e Tchô, que são responsáveis pela armação das jogadas, estiveram sumidos e a bola não chegou para Obina, isolado dentro da área. Dessa maneira, o Coelho não conseguiu vencer a forte marcação do adversário e chegou com mais perigo ao gol apenas em uma oportunidade. Após cobrança de escanteio de Mancini, aos 22 minutos, Obina cabeceou livre, mas a bola subiu.

A proposta inicial do ABC era jogar no contra-ataque, entretanto, devido à postura do América, a equipe potiguar acabou crescendo e ficando com o controle da partida. Com as bolas nos pés por mais tempo, o Mais Querido trocava passes em seu campo de ataque em busca de espaços. Faltava falta precisão para concluir as jogadas. Aos 33 minutos, Rodrigo Silva fez o cruzamento e Lúcio Flávio se antecipou, mas chutou para fora.

Na volta do intervalo, o Coelho partiu para cima e ensaiou uma reação, que ficou restrita a apenas uma boa oportunidade. Aos nove minutos, Mancini recebeu lindo passe de Tchô e tinha a opção do passe para o Obina livre dentro da área, mas preferiu chutar e mandou para fora. O ABC respondeu no lance seguinte. Somália recebeu ótimo lançamento, bateu de canhota e a bola acabou subindo.

Os donos da casa voltaram a mostrar o mesmo futebol do primeiro tempo e os visitantes tomaram conta do jogo. Aos 17 minutos, Daniel Amora recebeu de Júnior Timbó, bateu forte e acertou as redes pelo lado de fora. Quatro minutos depois, Amora arriscou de longe, mas a bola foi por cima do travessão. Aos 27 minutos, João Paulo tentou cruzar e acabou acertando um chute perigoso que obrigou o goleiro Fernando a fazer ótima defesa. Michel cruzou para Daniel Amora, de novo e sozinho, cabecear para fora aos 35 minutos.

Na reta final, o jogo ficou aberto e os goleiros tiveram que aparecer. Aos 37 minutos, Obina chutou de longe e Gilvan fez bela defesa. Aos 41, foi a vez do ABC ameaçar e Fernando defender o chute da entrada da área de Timbó. Entretanto, o goleiro do time potiguar nada pôde fazer para evitar o gol do América nos últimos segundos de jogo. Andrei Girotto bateu de fora da área para o fundo das redes, já aos 48 minutos.

Ficha de jogo:

América-MG 1 x 0 ABC

AMÉRICA-MG:
Fernando Leal; Pablo, André, Vitor Hugo e Eduardo; Leandro Guerreiro, Andrei Girotto, Mancini e Tchô (Ricardinho); Willians (Diney) e Obina.
Técnico: Moacir Júnior.

ABC:
Gilvan; Renato, Marlon, Sueliton e Michel Benhami; Fábio Bahia, Daniel Amora, Somália (Júnior Timbó) e Liel (Samuel); Lúcio Flávio (João Paulo) e Rodrigo Silva.
Técnico: Zé Teodoro.

Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Público: 5.601 pagantes
Renda: R$ 56.945,00
Data: 02/08/2014
Horário: 16h20 (de Brasília)

Gol: Andrei Girotto, aos 48 minutos do segundo tempo (América)

Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Jose Antônio Chaves Franco Filho (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)

Cartão amarelo: Mancini (América)

***


14ª rodada - Série B: 
Terça (29/7), às 19h: 
Náutico 1x0 Icasa
21h: 
Portuguesa 0x0 Oeste
Sexta (1/8), às 21h: 
Avaí 1x2 Luverdense
Vila Nova 0x2 Atlético-GO
Sábado (2/8), às 16h20: 
América-MG 1x0 ABC
Vasco 1x0 Paraná
Bragantino 1x0 Joinville
Sampaio Corrêa 3x3 Ponte Preta
América-RN 0x1 Santa Cruz
21h: 
Ceará x Boa Esporte

Classificação: 
1º - Ceará - 27 pontos (13 jogos)
2º - América-MG - 26 pontos (14 jogos)
3º - Luverdense - 24 pontos (14 jogos)
4º - Joinville - 23 pontos, 7 vitórias e 3 gols de saldo (14 jogos)
5º - Avaí - 23 pontos, 7 vitórias e 1 gol de saldo (14 jogos)
6º - Sampaio Corrêa - 23 pontos e 6 vitórias (14 jogos)
7º - Atlético-GO - 22 pontos e 6 vitórias (14 jogos)
8º - Vasco - 22 pontos e 5 vitórias (13 jogos)
9º - América-RN - 20 pontos, 6 vitórias, 1 gol de saldo e 20 gols pró (14 jogos)
10º - ABC - 20 pontos, 6 vitórias, 1 gol de saldo e 14 gols pró (14 jogos)
11º - Santa Cruz - 19 pontos, 4 vitórias, 1 gol de saldo e 18 gols pró (14 jogos)
12º - Ponte Preta - 19 pontos, 4 vitórias, 1 gol de saldo e 18 gols pró (14 jogos)
13º - Náutico - 18 pontos (13 jogos)
14º - Boa Esporte - 17 pontos (13 jogos)
15º - Icasa - 15 pontos e 4 vitórias (14 jogos)
16º - Oeste - 15 pontos e 3 vitórias (14 jogos)
17º - Paraná - 13 pontos, 3 vitórias e -3 gols de saldo (14 jogos)
18º - Bragantino - 13 pontos, 3 vitórias e -7 gols de saldo (14 jogos)
19º - Portuguesa - 12 pontos (14 jogos)
20º - Vila Nova - 5 pontos (14 jogos)

0 comentários :

Postar um comentário