segunda-feira, 23 de junho de 2014

Que venha o Chile!

Brasil goleia Camarões, garante vaga na próxima fase e a primeira colocação do Grupo A. Adversário será o Chile

De Belo Horizonte.
Por Vinícius Silveira.

23/06/2014 - Após o empate diante do México, o Brasil brigaria pela primeira posição do Grupo A contra os mexicanos, mas havia também uma pequena possibilidade de eliminação. Para se estabelecer como líder, bastava vencer a seleção de Camarões. Porém, o torcedor brasileiro queria mais. Queria um Brasil intenso, com bom futebol e mostrando que tem tudo para ser hexacampeão do mundo. Com dois gols de Neymar (o craque do jogo), um de Fred e outro de Fernandinho (que mudou o jogo ao substituir Paulinho), os canarinhos golearam Camarões por 4 a 1 e sacramentaram a primeira colocação da chave, em partida disputada no Mané Garrincha, em Brasília.

Neymar anota dois gols e encaminha liderança do Brasil.
(Foto: Getty Images)
 
Com o resultado, o Brasil teve sua primeira colocação assegurada, mesmo com a seleção mexicana vencendo a Croácia por 3 a 1, na outra partida do grupo. Assim, Belo Horizonte irá receber o encontro contra o Chile, segundo do Grupo B após a derrota para a Holanda por 2 a 0, também nesta segunda. O primeiro encontro das oitavas será no dia 28, sábado, às 13h (de Brasília), no Mineirão. O México vai jogar contra a Holanda no domingo, em Fortaleza. 

Neymar domina

Eram duas situações completamente diferentes. O Brasil, apesar de não estar matematicamente classificado, disputaria a primeira posição contra o México. Do outro lado, em frangalhos, a seleção de Camarões, eliminada, sem apresentar um grande futebol e ainda motivada por problemas e divergências internas que quase comprometeram a vinda dos camaroneses para disputar este Mundial. Dentro de campo, os canarinhos tinham toda uma torcida em verde e amarelo nas arquibancadas do Mané Garrincha, em Brasília, e só faltava fazer valer este domínio com a bola rolando.

Os jogadores entraram em campo com muita vontade. O retrato desta empolgação era a marcação imprimida pelos brasileiros, começando no campo de ataque. Os camaroneses buscavam colocar a ginga e a habilidade conhecida dos africanos, mas qualquer resultado para eles era lucro, até uma apertada derrota. Tanta empolgação causava ansiedade nos brasileiros, mas esta teve um fim logo aos 16 minutos. Luiz Gustavo fez grande jogada, roubou e cruzou para Neymar escorar para as redes africanas. Após o gol, o Brasil tentava ampliar o marcador, mas foi Camarões quem empatou com Matip, após boa jogada de Nyom sobre Daniel Alves, aos 25.

A partir do gol, a seleção africana começou a gostar do jogo, tentando mostrar movimentação dentro de campo, mas os brasileiros tinham Neymar. E aproveitando o passe de Marcelo, o camisa 10 encarou a marcação de N'Koulou, driblou e bateu rasteiro contra as redes de Itandje, aos 35. Depois do gol, mais calmo, o Brasil passou a controlar o jogo, exercendo uma marcação cerrada sobre a defesa adversária e mantendo os camaroneses longe do gol de Júlio César.

Feliz alteração

No segundo tempo, Felipão entrou com Fernandinho e sacou Paulinho. A mudança deu mais firmeza e uma marcação melhor com Luiz Gustavo. Melhor para o ataque, que ganhou a presença dos laterais Daniel Alves e Marcelo, e mais gente no setor ofensivo. Porém, o melhor estava guardado para Fred. O atacante que ainda não havia marcado na Copa do Mundo, aproveitou cruzamento de David Luiz, e em posição legal, escorou de cabeça para as redes.

 Faltava o dele. Fred anotou seu primeiro gol na Copa do Mundo.
(Foto: Getty Images)

Com o terceiro gol brasileiro, os camaroneses esfriaram seu ímpeto em campo e perderam o pouco de empolgação que tinham guardados para seu último jogo na Copa do Mundo 2014. Por outro lado, o Brasil teve total domínio da partida, se permitindo atacar bastante, principalmente após a melhora na marcação brasileira com a entrada de Fernandinho no começo do segundo tempo.

Para premiar a melhora do Brasil, a defesa camaronesa marcou bobeira, a jogada começou com Fernandinho, passou por Fred e Oscar, até voltar para Fernandinho, que completou de bico para as redes de Itandje. O gol assegurou a primeira colocação ao Brasil e deixa o torcedor muito empolgado para a próxima fase contra a seleção chilena, entre as montanhas de Minas Gerais, no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

Ficha do jogo:

Camarões 1 x 4 Brasil

CAMARÕES:
Itandje; Nyom, N'Koulou, Matip e Bedimo; Mbia, Nguemo e Enoh; Aboubakar (Webo), Moukandjo (Edgard Salli) e Choupo-Moting.
Técnico: Volker Finke

BRASIL
Júlio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho (Fernandinho) e Oscar; Hulk (Ramires), Fred e Neymar (Willian).
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Local: Estádio Mané Garrincha, Brasília (DF)
Data: 23/06/2014
Horário: 17h

Árbitro: Jonas Eriksson (SUE)
Auxiliares: Mathias Klasenius e Daniel Warnmark, ambos da Suécia

Gols: Neymar (BRA), aos 16 e 35, e Matip (CAM), aos 25 minutos do primeiro tempo; Fred (BRA), aos quatro, e Fernandinho (BRA), aos 38 minutos do segundo tempo.

0 comentários :

Postar um comentário