sexta-feira, 20 de junho de 2014

Esperança viva

Com dois gols de Enner Valencia, Equador bate Honduras e é vice-líder no grupo da França

De Belo Horizonte.
Por Bruno Santana.

20/06/2014 - Em busca dos primeiros pontos no Grupo E da Copa do Mundo, Equador e Honduras se enfrentaram pela segunda rodada da fase de grupos, na Arena da Baixada, fechando a sexta-feira de jogos. Transformando Curitiba em um mar amarelo e azul, os equatorianos venceram os hondurenhos por 2 a 1 e assumiram a segunda colocação da chave, mantendo viva a chance de classificação para as oitavas de final da competição.

Ainda que na segunda posição, os sul-americanos terão a missão mais complicada na última rodada. A França, time de melhor campanha até o momento da Copa, será adversária do Equador na próxima quarta-feira (25), às 17h, no Maracanã. Com a missão de torcer para a França e tomar o lugar dos equatorianos, a terceira colocada Suíça, outra com três pontos, enfrentará a quase eliminada Honduras precisando da vitória. A partida será no mesmo horário, na Arena Amazônia.

Enner Valencia, um dos artilheiros da Copa, comemora um dos seus dois gols no jogo.
(Foto: Getty Images)

O jogo

Empurrado pelos torcedores equatorianos nas arquibancadas, o Equador tomou as iniciativas da partida, mas Honduras estava ligada no jogo, também procurando criar chances. Só que os erros de passe atrapalhavam as duas equipes. A primeira chance clara foi dos equatorianos. Aos 19 minutos, Enner Valencia apareceu na área chutando cruzado e levando perigo ao gol de Valladares. A bola foi para fora. Os hondurenhos criaram perigo pela primeira vez aos 26 minutos. Após cobrança de escanteio, Bernardez apareceu dando um peixinho e mandando a bola pela linha de fundo.

Aos 29 minutos, o primeiro gol. Costly passou por Guagua e chutou forte no canto direito de Dominguez. Era o primeiro gol de Honduras: 1 a 0. A alegria dos hondurenhos durou pouco. Três minutos depois, aos 32, Após tentativa de chute pela direita de Paredes, a bola encontrou Enner Valencia que, livre, empurrou para o gol: 1 a 1.

Depois do banho de água fria, os hondurenhos quase marcaram no final da primeira etapa. Em cobrança de falta de longe, Bernárdez chutou com força e obrigou Dominguez a colocar a Brazuca para escanteio.

Na volta do segundo tempo, a seleção de Honduras persistia. No primeiro minuto, após troca de passes, Beckeles chutou de fora da área, obrigando Dominguez a trabalhar novamente. Aos 13, foi a vez de Bengston aparecer na entrada da grande área, exigindo nova defesa do arqueiro equatoriano.

Mas o Equador conseguiu a virada. Aos 19 minutos, Ayoví cobrou falta na lateral esquerda com perfeição, na cabeça de Enner Valencia, que marcou o segundo gol dele no jogo e o terceiro na Copa, se tornando um dos artilheiros da competição, ao lado de Müller (ALE) e Benzema (FRA): 2 a 1.

Honduras precisava sair para buscar o empate. Mas quase que o Equador, por meio de contragolpe, se aproveitou do momento do tudo ou nada hondurenho, desperdiçando algumas oportunidades de matar a partida.

Ficha do jogo:

Honduras 1x2 Equador

HONDURAS:
Valladares; Beckeles, Bernárdez, Figueroa e Izaguirre (Juan Carlos Garcia); Garrido (Martinez), Claros, Garcia (Chavez) e Espinoza; Bengston e Costly. 
Técnico: Luis Fernando Suárez

EQUADOR:
Dominguez; Ayoví; Erazo, Guagua e Paredes; Noboa, Minda (Gruezo), Antonio Valencia e Jefferson Montero (Achilier); Enner Valencia e Caicedo (Edson Mendez). 
Técnico: Reinaldo Rueda



Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Público: 39.224
Data: 20/06/2014
Horário: 19h (de Brasília)

Gols: Costly, aos 29 minutos do primeiro tempo (HON); Enner Valencia, aos 32 minutos do primeiro tempo e aos 20 minutos do segundo tempo (FRA)


Árbitro: Benjamin Willians (Austrália)
Assistentes: Matthew Cream e Hakan Anaz (ambos da Áustralia)

Cartões amarelos: Bernárdez, Bengston (Honduras); Antonio Valencia, Jefferson Montero e Enner Valencia (Equador)

0 comentários :

Postar um comentário