quinta-feira, 15 de maio de 2014

Virada tricolor

Bahia vira no fim do jogo, elimina o América-MG e encara o Corinthians na sequência da Copa do Brasil

De Belo Horizonte.
Por Vinícius Silveira.

15/05/2014 - O América-MG sonhou com dias melhores dentro da Copa do Brasil, mas acabou pecando pela falta de experiência. O Bahia, mais calejado e mais rodado, acabou decidindo quando deveria e levou a classificação. Na noite desta quarta-feira (14), o Tricolor baiano venceu o Coelho, de virada, por 2 a 1, e passou para a terceira fase do torneio nacional, onde irá encontrar o Corinthians pela frente. No jogo de ida, o placar foi o 0 a 0.

 Bahia foi mais audacioso no segundo tempo e conseguiu a classificação no fim.
(Foto: Divulgação/Site Oficial América Futebol Clube)

Mesmo praticando um bom futebol, o América-MG só terá agora o encontro com a Série B, seu grande objetivo na temporada 2014. Neste sábado (17), a equipe americana receberá o Vila Nova-GO, no Independência, às 16h20. O Bahia também volta suas atenções para o Brasileirão, onde viaja para Recife e encara o Sport, na Ilha do Retiro, domingo (18), às 16h.

Tudo igual

Buscando a vitória logo de cara, o Bahia partiu para cima do América-MG nos primeiros minutos e dominou a partida taticamente e territorialmente. O nome mais falado no tricolor baiano foi o de Anderson Talisca, que testou o goleiro americano Matheus, pelo menos, três vezes. Uma em cabeçada perigosa, e em outros dois arremates de fora da área.

O Coelho aguardou pacientemente a pressão local e, aos poucos, foi ganhando força e equilibrando a partida. Aos 25 minutos, veio o prêmio. O arqueiro Marcelo Lomba fez pênalti em Willians. Obina, ex-atacante do Vitória e do próprio Bahia, não perdoou e abriu o placar. Porém, a festa do América não durou muito. Aos 31, a defensiva mineira dormiu no ponto na correria e no passe de Railan. Sorte de Branquinho, no lugar certo e na hora exata, que finalizou para igualar o marcador.

Gol no fim

No segundo tempo, o América entrou com postura defensiva e esperando os contra-ataques, mesmo sabendo que o resultado ainda era perigoso. Empate com gols classificava o Coelho, mas um gol do Bahia mudaria o panorama. O tricolor ganhou campo e passou a ser audacioso na partida, exercendo uma pressão no jogo, mas sem convertê-la em gols. As mudanças no Bahia mostravam que o Bahia estava atrás da vitória a qualquer custo - saíram Uellinton, Branquinho e Henrique, e entraram Emanuel Biancucchi, Willian Barbio e Rafinha.

No América, as alterações foram mais conservadoras - entraram Thiago Santos, Henrique e Ricardinho, e deixaram o campo Leandro Guerreiro, Willians e Diney. Até o final, o Bahia pressionava e o Coelho se segurava. Aos 43 minutos, veio o balde de água gelada nos mineiros. Após jogada de William Barbio, o atacante cruzou para Anderson Talisca, que tentou duas vezes. Na terceira, encontrou Rafinha, livre para finalizar e dar a classificação aos baianos.

Outros jogos

Nesta quarta-feira, outros times atuaram pela Copa do Brasil. O Palmeiras venceu o Sampaio Correa-MA por 3 a 0, cravando uma vaga na próxima fase. Enquanto isso, Botafogo-PB e Santa Cruz empataram em 1 a 1. A partida de volta será na próxima semana. O Internacional goleou o Cuiabá por 4 a 1 e eliminou os mato-grossenses. O Chapecoense levou revés em casa do Ceará, 2 a 1. Partida de volta será no Castelão dia 23. O ABC aprontou com o Atlético-GO no Serra Dourada e ganhou por 2 a 1, deixando os goianos para trás.

Nesta quinta-feira, ainda teremos Santos x Princesa do Solimões-AM, na Vila Belmiro, e Paysandu x Sport, no Estádio Mangueirão.
   

0 comentários :

Postar um comentário