quarta-feira, 28 de maio de 2014

Triunfo estrangeiro

Com gols de Bolatti e Zeballos, Botafogo vence o Palmeiras e sai da zona da degola do Brasileirão

De São Paulo.
Por Eduardo do Carmo.

28/05/2014 - O Botafogo contou com a força estrangeira de seu elenco para derrotar o Palmeiras, no Prudentão, em Presidente Prudente, na noite desta quarta-feira. Em partida válida pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe carioca fez 2 a 0 no Verdão com gols do argentino Bolatti e do paraguaio Zeballos. O triunfo deu um fôlego para o Fogão, que saiu da zona de rebaixamento. Com a derrota, o Verdão ficou longe do G-4.

Fogão vence o Verdão em Presidente Prudente e sai do Z4 do Brasileirão.
(Foto: César Greco/Agência Palmeiras)

A semana do Palmeiras não foi nada boa. Por conta de problemas meteorológicos, o time paulista só conseguiu sair de Chapecó, local em que enfrentou a Chapecoense na rodada anterior, na terça-feira. Cansado, o Verdão treinou apenas na noite de ontem para o duelo.

O Botafogo, após três jogos sem vitória, conseguiu a segunda na competição. A alegria é dobrada por causa da fuga do Z4. O Fogão soma oito pontos e sobe momentaneamente para o 12º lugar, posição que pode ser alterada até o fim da rodada. Já o Palmeiras, com outra derrota, fica distante do G-4, com os seus 12 pontos. À princípio, o Verdão é o sétimo.

Na nona rodada, a última antes da Copa do Mundo, os dois times entram em campo no domingo, às 16h. Enquanto o Botafogo encara o Corinthians, na Arena Corinthians, o Palmeiras enfrenta o Grêmio, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

No intervalo, Emerson Sheik deu uma entrevista com acusações em relação ao zagueiro Lúcio. De acordo com o atacante do Botafogo, o atleta do Palmeiras o chamou de gay e o destratou. Segundo Sheik, o zagueiro do Verdão é definido por jogadores como mau caráter. Em resposta, Lúcio disse que essas são acusações gravíssimas e que Emerson terá que provar tudo o que falou.

O jogo

Aos 4 minutos, o Palmeiras criou a primeira oportunidade com o atacante Diogo, que recebeu pela direita, cortou a zaga e bateu rasteiro. A bola passou à direita do gol de Renan. Aos 12, mais uma chance palmeirense. Wendel cruzou com perfeição, mas Marquinhos Gabriel cabeceou fraco. O meia do Verdão tentou se redimir aos 21, mas sem sucesso. Na saída do goleiro do Fogão, Marquinhos Gabriel tentou por cima, mas a finalização saiu torta.

O Botafogo apareceu no campo ofensivo apenas aos 28, quando Emerson Sheik ganhou na velocidade do zagueiro Lúcio e invadiu a área. O camisa 33 do Verdão se recuperou e afastou o perigo. Sheik teve nova chance, aos 38, e não desperdiçou. O camisa 7 ganhou mais uma vez do setor defensivo e balançou a rede. De forma equivocada, o auxiliar anotou impedimento.

Após o susto, o Verdão voltou para o ataque. Foram dois lances com Wesley. No primeiro, aos 41, o volante driblou o zagueiro do time carioca e bateu firme. Renan fez uma linda defesa e salvou o Botafogo. Aos 43, em finalização após sobra do escanteio, Wesley chutou em cima do zagueiro André Bahia.

Na etapa final, o jogo estava morno até que a equipe do Rio abriu o marcador. Aos 15, Bolatti pegou o rebote de um tiro de canto e chutou de primeira no canto do goleiro Fábio. Aos 22, Felipe Menezes cabeceou com estilo, mas Renan salvou mais uma vez.

Três minutos mais tarde e a situação do Verdão ficou ainda pior. Wesley cometeu falta em Sheik e foi expulso. Aos 27, o Botafogo quase ampliou. Zeballos driblou Fábio e chutou para o gol. Marcelo Oliveira tirou a bola em cima da linha. Com um a menos, o Palmeiras não teve nova chance real para o empate. O Fogo, por sua vez, teve outra chance e não desperdiçou. Em um contragolpe fatal, Zeballos definiu o placar.

8ª rodada: 
Quarta (28/5), às 19h30: 
Sport 0x0 Grêmio
Palmeiras 0x2 Botafogo
Criciúma 1x0 Coritiba
21h: 
Goiás x Vitória
Internacional x Chapecoense
22h: 
Atlético-PR x São Paulo
Atlético-MG x Fluminense
Corinthians x Cruzeiro
Quinta (29), às 19h30: 
Flamengo x Figueirense
21h: 
Bahia x Santos

Classificação disponível ao fim da rodada

0 comentários :

Postar um comentário