domingo, 25 de maio de 2014

B.A na Copa #14: Grupo G

Em destaque na 14ª matéria da série, o Grupo G, que, além da tricampeã Alemanha, tem Portugal, de Cristiano Ronaldo

De Belo Horizonte.

Por Arthur Möller.

25/05/2014 - Hoje, a série B.A na Copa traz informações sobre o Grupo G. A Alemanha, além da tradição, conta com jogadores jovens e de muito talento, o que a coloca como favorita à liderança do grupo e forte candidata ao título. Portugal tem uma equipe menos qualificada, porém, pode se dar ao luxo de depositar as esperanças no melhor jogador de futebol do mundo, Cristiano Ronaldo. Gana e Estados Unidos completam a chave e, caso um dos dois alcance a classificação à próxima fase, teremos o que costuma-se chamar de "zebra".



Alemanha: Em busca do tetra

Há 24 anos a seleção alemã não sente o gosto de levantar a taça de campeã mundial. Após boas campanhas nas duas últimas edições da Copa, os tradicionais alemães são tidos como favoritos por boa parte dos torcedores brasileiros. Muitos, inclusive, apontam a Alemanha como o principal concorrente brasileiro à conquista.

Ao contrário de anos anteriores, quando apresentaram um futebol mecânico e de pouco talento individual, os alemães contam com um elenco muito qualificado tecnicamente, numa mescla de jogadores jovens e experientes, cheios de talento e de muita disciplina tática. Entre eles, o goleiro Manuel Neuer, o lateral Philip Lahm, o meio-campista Bastian Schweinsteiger, o meia Mesut Özil e o atacante Thomas Müller. Isso sem falar em Marco Reus e Mario Götze, que, com muito futebol, fazem os germânicos se encherem de esperanças.

Foto: Getty Images

Os convocados:

Goleiros: Manuel Neuer, Roman Weidenfeller e Ron-Robert Zieler

Defensores: Jérôme Boateng, Erick Durm, Kevin Grobkreutz, Benedikt Höwedes, Mats Hummels, Marcell Jansen, Philip Lahm, Per Mertesacker, Shkodran Mustafi e Marcel Shmelzer

Meio-campistas: Lars Bender, Julian Draxler, Matthias Ginter, Leon Goretzka, Mario Götze, André Hahn, Sami Khedira, Toni Kroos, Max Meyer, Thomas Müller, Mesut Özil, Lukas Podolski, Marco Reus, André Schürrle e Bastian Schweinsteiger

Atacantes: Miroslav Klose e Kevin Volland

Time-base: Neuer; Lahm, Mertesacker, Hummels e Schmelzer; Schweinsteiger e Tony Kroos; Muller, Özil e Marco Reus; Klose. Técnico: Joachim Low.

Participações em mundiais: 17

Posição no ranking da FIFA:

Tabela de jogos:
16/06, às 13h: Alemanha x Portugal, na Fonte Nova, em Salvador (BA)
21/06, às 16h: Alemanha x Gana, no Castelão, em Fortaleza (CE)
26/06, às 13h: Alemanha x Estados Unidos, na Arena Pernambuco, em Recife (PE)

Foto: Getty Images

Portugal: "Temos o melhor do mundo"

Favorita em seu grupo das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo, a seleção portuguesa não rendeu o que se esperava e só se classificou na repescagem, ante a Suécia. O herói da classificação, marcando quatro gols em dois jogos, foi ele, Cristiano Ronaldo. O CR7, campeão da Liga dos Campeões da Europa pelo Real Madrid, neste sábado (24), foi eleito o melhor jogador de futebol do mundo, em janeiro passado.

E é nele, Cristiano Ronaldo, que os portugueses depositam suas fichas. Até hoje, a melhor participação de Portugal numa Copa do Mundo foi em 1966, quando Eusébio e companhia ficaram com o terceiro lugar. Chegar à decisão no Maracanã, no dia 13 de julho, já seria um feito histórico.

Os convocados:

Goleiros: Eduardo, Ventura e Rui Patrício

Defensores: Bruno Alves, Fábio Coentrão, João Pereira, Pepe, Ricardo Carvalho, Rolando e Sílvio

Meio-campistas: Carlos Martins, João Moutinho, Miguel Veloso, Paulo Machado, Raul Meireles e Ruben Micael

Atacantes: Cristiano Ronaldo, Danny, Hélder Postiga, Hugo Almeida, Nani, Ricardo Quaresma e Varela

Time-base: Rui Patrício; João Pereira, Pepe, Bruno Alves e Fábio Coentrão; Miguel Veloso, Raul Meirelles e João Moutinho; Cristiano Ronaldo, Nani e Helder Postiga. Técnico: Paulo Bento.

Participações em mundiais: 5

Posição no ranking da FIFA:

Tabela de jogos:
16/06, às 13h: Portugal x Alemanha, na Fonte Nova, em Salvador (BA)
22/06, às 18h: Portugal x Estados Unidos, na Arena Amazônia, em Manaus (AM)
26/06, às 13h: Portugal x Gana, no Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Foto: Getty Images

Gana: Ascensão africana

Gana disputou seu primeiro mundial em 2006, quando apresentou um futebol alegre, rápido, bonito e cheio de ginga. Na primeira fase, inclusive, venceram República Tcheca e Estados Unidos. Os ganeses só foram parados pelo Brasil, de Ronaldo "Fenômeno", nas oitavas de final.

Quatro anos mais tarde, uma campanha ainda melhor. A equipe chegou às quartas de final, quando foi eliminada, nos pênaltis, pelo Uruguai. Estar entre as oito melhores seleções do mundo fez com que Gana igualasse o feito de Camarões, que, até então, detinha o "título" de 'melhor participação de uma seleção africana' em Copas do Mundo.

É difícil, porém, os africanos podem surpreender.

Os convocados:

Goleiros: Adam Kwarasey, Farau Dauda e Stephen Adams

Defensores: Samuel Inkoom, Daniel Opare, Harrison Afful, Jeffrey Schullp, John Boye, Jonathan Mensah, Jerry Akaminko e Rachid Sumaila

Meio-campistas: Michael Essien, Rabiu Mohammed, Agyemang Badu, Kwadwo Asamoah, Sulley Muntari, Albert Adomah, Wakasu Mubarak, Christian Atsu, David Accam, Andre Ayew e Afriyie Acquah

Atacantes: Asamoah Gyan, Kevin Prince Boateng, Abdul Majeed Waris e Jordan Ayew

Time-base: Dauda; Afful, Akaminko, John Boye e Opare; Essien, Kwadwo Asamoah, Muntari e Kevin-Prince Boateng; Andre Ayew e Asamoah Gyan. Técnico: James Kwesi Appiah.

Participações em mundiais: 2

Posição no ranking da FIFA: 38º

Tabela de jogos:
16/06, às 19h: Gana x Estados Unidos, no Estádio das Dunas, em Natal (RN)
21/06, às 16h: Gana x Alemanha, no Castelão, em Fortaleza (CE)
26/06, às 13h: Gana x Portugal, no Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Foto: Getty Images

Estados Unidos: Surpreender os grandes

Os Estados Unidos têm jogadores esforçados e bastante fortes. Nos últimos anos, os norte-americanos agregaram qualidade técnica à força, e surpreenderam, como na Copa das Confederações 2009, quando venceram a Espanha, por 2 a 0 e fizeram a final da competição com o Brasil.

Nesta decisão, inclusive, os Estados Unidos abriram 2 a 0, mas, na segunda etapa, não conseguiram segurar o placar e sofreram a virada da seleção brasileira, que, na época, era comandada pelo técnico Dunga. Forte nos contra-ataques, a equipe treinada por Jürgen Klinsmann, na teoria, briga com Portugal e Gana pelo segundo lugar do grupo.

O destaque é a ausência da estrela Landon Donovan, considerado por muitos o maior jogador da história dos Estados Unidos. Porém, desta vez, Jurgen Klinsmann resolveu deixar o atacante de 32 anos de fora.

Os convocados:

Goleiros: Brad Guzan, Tim Howard e Nick Rimando

Defensores: DaMarcus Beasley, Matt Besler, John Brooks, Geoff Cameron, Timmy Chandler, Omar Gonzalez, Fabian Johnson, DeAndre Yedlin

Meio-campistas: Kyle Beckerman, Alejandro Bedoya, Michael Bradley, Brad Davis, Mix Diskerud, Julian Green, Jermaine Jones e Graham Zusi

Atacantes: Jozy Altidore, Clint Dempsey, Aron Johannsson e Chris Wondolowski

Time-base: Howard; Chandler, Gonzalez, Matt Besler e DaMarcus Beasley; Bradley e Jones; Zusi, Dempsey e Johannsson; Jozy Altidore. Treinador: Jurgen Klinsmann.

Participações em mundiais: 9

Posição no ranking da FIFA: 14º

Tabela de jogos: 
16/06, às 19h: Estados Unidos x Gana, no Estádio das Dunas, em Natal (RN)
22/06, às 18h: Estados Unidos x Portugal, na Arena da Amazônia, em Manaus (AM)
26/06, às 13h: Estados Unidos x Alemanha, na Arena Pernambuco, em Recife (PE)

Amanhã, a série especial sobre a Copa do Mundo volta para falar sobre o Grupo H, que tem Bélgica, Argélia, Rússia e Coreia do Sul.

0 comentários :

Postar um comentário