sexta-feira, 23 de maio de 2014

Ainda na ponta

Fora de casa, América-MG empata com Santa Cruz e segue líder da Série B; Santa empatou a sétima seguida

De Belo Horizonte.
Por Júlia Alves.

23/05/2014 - Cumprindo punição em virtude da morte de um torcedor do Sport após jogo no Arruda, o Santa Cruz recebeu o América-MG no estádio dos Aflitos, antiga casa do Náutico. Além do adversário da noite, líder da Série B do Campeonato Brasileiro, os times tiveram que enfrentar o gramado que, em péssimo estado, influenciou na qualidade do jogo. Faltou futebol no primeiro tempo. Nenhuma das equipes conseguia armar suas jogadas e a partida ficou muito truncada no meio. Na etapa complementar, o confronto foi outro e cada time deixou o seu gol. O 1 a 1 mantém a invencibilidade do Coelho e marca o sétimo empate do Tricolor em sete jogos nesta Segundona. Com esse resultado, o Santa Cruz continua sem vencer em seu retorno à Série B, ocupando a 15ª posição. O América se mantém na liderança isolada, com 17, e ficará por lá ao fim desta rodada.

Na próxima rodada, o Santa Cruz terá outro mineiro pela frente. O próximo adversário dos nordestinos será o Boa Esporte, no estádio Municipal de Varginha, às 19h30 de terça-feira (27). No mesmo dia, o América enfrenta o Atlético-GO, às 21h50, no Serra Dourada.


Foto: CBF.com.br

O jogo

O Santa Cruz, apesar de ter o mando de campo, não jogou diante de sua torcida. Por cumprir punição devido à morte de um torcedor nos arredores do Arruda, os tricolores estão realizando os seus jogos no Estádio dos Aflitos, que pertence ao Náutico, e de portões fechados. O gramado dos Aflitos estava em péssimo estado, a grama muito irregular dificultava o toque de bola e os dois times tiveram dificuldades para se adaptar a essas condições.

O primeiro tempo foi de um futebol feio. Poucas chances criadas, muitas faltas e pouca bola rolando. O América só chegou ao ataque aos nove minutos. Depois de cobrança de lateral, Willians recebeu dentro da área, girou e bateu. Tiago Cardoso fez grande defesa. A partida era sonolenta. O Santa Cruz, com maior posse de bola, mas sem nenhuma objetividade, não levou perigo ao gol defendido por Matheus.

A história foi diferente na volta do intervalo. O confronto ficou aberto, as duas equipes passaram a criar mais e o jogo melhorou. No primeiro lance da etapa complementar, o Coelho quase abriu o placar. Willians acreditou no lançamento, chutou cruzado e Thiago Cardoso se esticou todo para defender. Aos oito minutos, Everton Sena cruzou e a bola sobrou para Danilo Pires, que bateu firme para o fundo do gol.

O gol acordou o time da América, que foi atrás do empate. Aos dez minutos, Pablo arriscou de muito longe, Tiago Cardoso defendeu e bola ficou com Obina no rebote, mas o atacante do chutou para fora. Seis minutos depois, Ricardinho driblou três e cruzou rasteiro para Obina, que acabou chutando nas mãos de Tiago Cardoso. Aos 23 minutos, Gilson foi até a linha de fundo, cruzou para a área e Willians só empurrou para as redes, deixando tudo igual.

Os dois times ainda tiveram oportunidade de balançar a rede pela segunda vez. Memo cobrou falta de longe muito forte e Matheus espalmou aos 27 minutos. Aos 34, Ricardinho arrancou pelo lado esquerdo e chutou cruzado; a bola saiu com perigo e o goleiro Tiago Cardoso só pôde observar. Mas permaneceu a igualdade no marcador, retratando o equilíbrio da partida.

Ficha de jogo:

Santa Cruz 1 x 1 América-MG

SANTA CRUZ:
Tiago Cardoso; Nininho, Everton Sena, Renan Fonseca e Renatinho; Sandro Manoel, Memo, Danilo Pires (Flávio Caça-Rato) e Carlos Alberto; Pingo (Raul) e Léo Gamalho (Betinho).
Técnico: Sérgio Guedes.

AMÉRICA-MG:
Matheus; Pablo, Vitor Hugo, André e Gilson; Thiago Santos, Andrei Girotto (Elsinho), Mancini e Willians (Henrique); Ricardinho (Carlos Renato) e Obina.
Técnico: Moacir Júnior

Local: Estádio dos Aflitos, no Recife (PE)
Data: 23/05/2014
Horário: 19h30 (de Brasília)

Gols: Danilo Pires, aos oito minutos do segundo tempo (Santa Cruz); Willians, aos 23 minutos do segundo tempo.


Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Adair Carlos Mondini (PR)


Cartões amarelos: Nininho e Léo Gamalho (Santa Cruz); Andrei Girotto, Ricardinho e Obina (América-MG)


***

7ª rodada: 
Sexta (23/5), às 19h30: 
Santa Cruz 1x1 América-MG 
Boa Esporte 2x0 Avaí 
Bragantino 3x0 Oeste 
21h50: 
Ceará x Ponte Preta 
Sábado (24), às 16h20: 
Joinville x Vasco 
Portuguesa x Atlético-GO 
Sampaio Corrêa x Luverdense 
Vila Nova x América-RN 
21h: 
ABC x Icasa 
Paraná x Náutico 

Classificação disponível ao fim dos jogos do dia

0 comentários :

Postar um comentário