sábado, 1 de fevereiro de 2014

Coluna: Mundo Oval #14

Curiosidades, estatísticas e destaques da semana da NFL. É hora do Super Bowl!

De São Paulo.
Por Gilmar Junior.


SUPER BOWL: O fim e o começo

01/02/2014 - Parece que foi ontem que assistíamos Ray Lewis encerrar sua carreira levantando o troféu após o término do Super Bowl, com a vitória do Baltimore Ravens sobre o San Francisco 49ers. Bom, esse era o Super Bowl 47 (XLVII) e foi ali que se iniciou a próxima mega final desta temporada, realizada neste domingo (2).

Aposto que muitos de vocês que leem esta postagem, neste momento, tiveram a primeira experiência com o futebol americano assistindo a um jogo de Super Bowl. Também pudera, mesmo a milhares de quilômetros de distância, a final da National Football League repercute em todos os cantos do mundo. É o segundo evento mais assistido no mundo, só perdendo para a final da Copa do Mundo de futebol.

Essa é, portanto, uma ótima oportunidade para começar a se aproximar do esporte. Para a temporada de 2014/2015 surgirão novos torcedores do Seattle Seahawks, do Denver Broncos e, principalmente, da prática esportiva amigável.


Denver Broncos x Seattle Seahawks - SUPER BOWL - 21h30 (horário de Brasilia) - Domingo (02/02/13):


Foto: Divulgação
Os 47 Super Bowls disputados antes já servem de exemplo para mostrar que tudo pode acontecer. Um retorno de kickoff para TD logo no primeiro lance de partida, uma jogada decisiva antes do Two-Minute Warning ou até mesmo um simples field goal. Os placares são elásticos e apertados.

Para exemplificar melhor o que pode acontecer nessa partida, a palavra chavão de Peyton Manning: OMAHA! Que, de acordo com ele, conforme já foi relatado por essa coluna, pode significar qualquer coisa. Até faltar luz!


Serão "microduelos" durante a partida compondo um todo que entrará para a história. The Legion of Boom, termo criado para indicar a força e a presença marcante da secundária do Seattle Seahawks. Do outro lado, Peyton Manning, Wes Welker e Eric Decker vão literalmente bater de frente com a defesa dos Hawks.

Outra questão que vai deixar a partida "animadinha" será a condição climática do duelo. De acordo com a previsão do tempo, a temperatura pode estar muito próxima de 0° no MetLife Stadium, em East Rutherford, Nova Jersey.

E aí? O que vai dar essa "pelada"?

Boa pedida

A NFL publicou em seu site um vídeo que tem um compilado de todos os lances marcantes de todos os Super Bowls já disputados. Confira aqui.

Finalmente um Pro Bowl

Para quem achava chato e nem acompanhava o Pro Bowl por não ter tanto contato (o jogo dos melhores jogadores da liga durante o ano, que não incluem jogadores das equipes que jogam o Super Bowl), esse ano foi diferente. O formato foi mudado, Deion Sanders e Jerry Rice escolheram seus times sem a divisão habitual em AFC e NFC e a partida foi decidida em uma conversão de dois pontos. O time de Jerry Rice ganhou por 22 x 21. A equipe de Nick Foles, Cam Newton, Andrew Luck, Jamaal Charles, Eddie Lacy e outras feras perdeu para o selecionado que contava com Drew Brees, Philip Rivers, Alex Smith, Tony Gonzalez e DeMarco Murray.

Coisas que só o Super Bowl proporciona


Até o aeroporto de Denver entrou no clima do SB.
(Foto: NFL MEMES)
O aeroporto de Denver colocou em seu painel de embarques e desembarques a palavra Omaha por três vezes, como comumente faz Peyton Manning.

VOCÊ SABIA?


Que é cultura estadunidense assistir os comerciais no intervalo, antes, até mesmo, do show do intervalo? 
É isso mesmo. Os merchans possuem mega produção e são pensados no decorrer do ano. Algumas chegam a lançar até teaser (trecho considerado menor que um trailer). Grandes empresas devem desembolsar, por um período de 30 segundos de exposição, cerca de quatro milhões de dólares.

Que nos últimos 8 anos, em cinco Super Bowls ocorreu a presença de um Manning? 
Eli Manning esteve presente em 2008 e 2012 pelo New York Giants, vencendo em ambas oportunidades o New England Patriots. Já Peyton, que estará na final do próximo domingo (2), esteve em 2010 e em 2007, quando ganhou o seu único título. Nas duas primeiras vezes, Peyton Manning jogou pelo Indianapolis Colts.

E que a pontuação mais alta de um jogo foi em 1990? 
O San Francisco 49ers bateu o Denver Broncos por 55 x 10. Um 16 x 6 em 1975 entre Pittsburgh Steelers e Minnesota Vikings marcou a menor pontuação alcançada em uma vitória em Super Bowls.

0 comentários :

Postar um comentário