segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Parada dura

Brasil Kirin e Kappesberg Canoas fazem confronto de quarto contra quinto na Superliga Masculina

Do Rio de Janeiro.
Da Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Voleibol.

06/01/2014 - O ano de 2014 começa com um difícil duelo para Brasil Kirin (SP) e Kappesberg Canoas (RS). As equipes se enfrentam nesta terça-feira (07.01), às 21h30, no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP), com transmissão ao vivo do SporTV. O fato de jogar em casa é visto de forma positiva para a equipe campineira, que está na quarta colocação da tabela de classificação da Superliga masculina de vôlei 13/14. Mas o Canoas, que aparece logo na cola, na quinta posição, espera surpreender o adversário e sair da cidade do interior paulista com o resultado positivo.

Paulo Renan, levantador do Brasil Kirin, em ação. 
(Foto: Alexandre Arruda/CBV)

O objetivo do Brasil Kirin é vencer, somar três pontos e assumir a terceira colocação na tabela, já que o RJ Vôlei (RJ), tem 28 pontos e o time campineiro, 26. Principal responsável pela armação das jogadoras da equipe campineira, o levantador Paulo Renan afirma que a meta é essa.

“Queremos sempre estar o mais alto possível na tabela para, lá na frente, termos um cruzamento teoricamente mais tranquilo. Por isso, queremos muito essa vitória, principalmente porque viemos de uma derrota inesperada para o Voltaço na rodada passada, quando não fizemos bem a nossa parte. Agora vamos enfrentar uma equipe mais experiente, perdemos do Canoas no primeiro turno e, com certeza, vai ser uma partida difícil”, afirmou Paulo Renan. No primeiro turno, o Kappesberg/Canoas venceu o grupo de Campinas por 3 a 2.


Só que o levantador do Kappesberg Canoas, Murilo Radke, garante que o seu time tem o mesmo intuito. “Eles vão estar em casa, mas nós estamos logo atrás na classificação e temos que buscar esse resultado. Temos a chance de subir na tabela e precisamos correr atrás. Esse resultado vai ser muito importante para melhorarmos, principalmente pensando mais na frente do campeonato”, destacou Murilo.

A terceira rodada terá outros jogos nesta terça. O primeiro será às 18h30, entre Vivo/Minas (MG) e Voltaço (RJ), na Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG). Depois, às 20h, acontecerão três partidas. Moda/Maringá (PR) enfrentará o Montes Claros Vôlei (MG) no ginásio Chico Neto, em Maringá (PR); o RJ Vôlei (RJ) receberá o Funvic/Taubaté (SP) no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ), e a UFJF (MG) jogará contra o Sada Cruzeiro (MG) em Juiz de Fora (MG).

A rodada será encerrada na quarta-feira (08.01) com o atual líder da Superliga masculina em quadra. O Sesi-SP, primeiro colocado na tabela, com 34 pontos, enfrentará o São Bernardo Vôlei (SP), que está em oitavo, às 21h, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP), com transmissão ao vivo do canal SporTV.

SUPERLIGA MASCULINA
TERCEIRA RODADA DO SEGUNDO TURNO

07.01 (TERÇA-FEIRA) – Vivo/Minas (MG) x Voltaço (RJ)
LOCAL/HORÁRIO: Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG), às 18h30

07.01 (TERÇA-FEIRA) – Moda/Maringá (PR) x Montes Claros Vôlei (MG)
LOCAL/HORÁRIO: Ginásio Chico Neto, em Maringá (PR), às 20h

07.01 (TERÇA-FEIRA) – RJ Vôlei (RJ) x Funvic/Taubaté (SP)
LOCAL/HORÁRIO: Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ), às 20h

07.01 (TERÇA-FEIRA) – UFJF (MG) x Sada Cruzeiro (MG)
LOCAL/HORÁRIO: UFJF, em Juiz de Fora (MG), às 20h

07.01 (TERÇA-FEIRA) – Brasil Kirin (SP) x Kappesberg Canoas (RS)
LOCAL/HORÁRIO: Taquaral, em Campinas (SP), às 21h30
TRANSMISSÃO: SporTV


08.01 (QUARTA-FEIRA) – Sesi-SP x São Bernardo Vôlei (SP)
LOCAL/HORÁRIO: Vila Leopoldina, em São Paulo (SP), às 21h
TRANSMISSÃO: SporTV

0 comentários :

Postar um comentário