quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Nas quadras da Austrália #3

Destaques do dia no Australian Open, primeiro Grand Slam de tênis do ano

De Belo Horizonte.
Por João Vitor Cirilo.

15/01/2014 - Terceiro dia de disputas no Aberto da Austrália e destaque para classificações tranquilas dos gigantes, na abertura da segunda rodada da chave de simples. Serena Williams, número 1 do mundo, fez 6/1 e 6/2, rapidinho, na sérvia Vesna Dolonc (104ª) e se garantiu na terceira rodada. Novak Djokovic, número 2 entre os homens, demorou a ter pequenos problemas contra o argentino Leonardo Mayer (98º). Djoko abriu logo o jogo com um pneu, 6/0, e Mayer foi entrando no jogo aos poucos, mas não conseguiu evitar os dois 6/4 a favor de Djokovic, que avança.

Serena Williams passou fácil por seu desafio na segunda rodada.
(Foto: Ben Solomon/Tennis Australia/Divulgação Australian Open)

Tomas Berdych, número 7 do mundo, também não se complicou contra o francês Kenny De Schepper (86º) e venceu por 6/4, 6/1 e 6/3. David Ferrer, número 3 do mundo, teve que jogar quatro sets contra o francês Adrian Mannarino (71º). Ferrer venceu por 7/6 (2), 5/7, 6/0 e 6/3. Stanislas Wawrinka, número 8, é outro que jogou quatro sets. 6/3, 6/3, 6/7 (4) e 6/4 sobre o colombiano Alejandro Falla (87º). Richard Gasquet, número 9, fez 7/6 (3), 6/4 e 6/4 e despachou o russo Nikolay Davydenko (61º).

Entre as mulheres, se Serena Williams passou fácil em seu desafio, Na Li teve que suar um pouco mais contra a jovem suíça Belinda Bencic (187ª). Após um 6/0 tranquilo no primeiro set, Bencic, de apenas 16 anos, complicou demais para a chinesa número 4 do mundo e levou a segunda parcial para o tie-break, vencido por Na Li por 7-5. A outra top 10 que jogou nesta madrugada foi a alemã Angelique Kerber (9ª), que fez 6/4 e 6/2 sobre a russa Alla Kudryavtseva (162ª).

Nesta quarta-feira, seis cabeças de chave caíram. Estão na lista a belga a alemã Sabine Lisicki (15ª), Kirsen Flipkens (18ª), os russos Mikhail Youzhny (14º) e Dmitry Tursonov (30º), o letão Ernests Gulbis (23º) e o croata Ivan Dodig (32º).

Brasil - A quarta-feira também foi de estreia brasileira nas duplas. Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya, segunda melhor dupla do torneio, passaram pelo espanhol Feliciano Lopez e pelo outro brasileiro André Sá com um duplo 6/4. Agora, Soares e Peya enfrentarão o indiano Mahesh Bhupathi e o americano Rajeev Ram, que eliminaram o colombiano Santiago Giraldo e o português João Souza. O outro brasileiro da chave de duplas masculinas ainda não jogou. Marcelo Melo, que forma a quarta melhor dupla com o croata Ivan Dodig, irá enfrentar os australianos Chris Guccione e Thanasi Kokkinakis em data e horário ainda a serem divulgados pela organização do torneio.

Dia 4 - Na Hisense Arena, o brasileiro Thomaz Bellucci e o francês Jo-Wilfried Tsonga farão o segundo jogo do dia, que tem início marcado para as 22 horas de Brasília, 11h em Melbourne. Bellucci tentará vencer o número 10 do mundo pela primeira vez, já que nos outros dois duelos, Tsonga saiu vencedor. Os destaques da próxima noite/madrugada ficam para os jogos entre Sharapova (3ª) e Knapp, Nadal (1ª) e Kokkinakis, Radwanska (5ª) e Govortsova, e Federer (6º) e Kavcic. Amanhã cedinho, a partir das 6h, tem Azarenka (2ª) contra Zahlavova Strycova (84ª) e Murray (4º) contra Millot (267º).

O Australian Open é transmitido para o Brasil pela ESPN, além do site oficial do evento (clique aqui).

Clique e confira todos os resultados do terceiro dia do Australian Open.

Veja os jogos do quarto dia.

0 comentários :

Postar um comentário