terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Fla dispara

No último quarto, Fla e Basquete Cearense brigaram ponto a ponto pela dianteira, mas o rubro-negro foi quem soube aproveitar melhor as chances, e contou com um tropeço do Limeira para ficar sozinho na liderança do NBB

De Belo Horizonte. 
Por Matheus de Oliveira. 

14/01/2014 - O Flamengo assegurou-se na ponta da tabela do Novo Basquete Brasil ao vencer o Basquete Cearense por 72 a 69 na noite dessa segunda-feira, no Ginásio do Tijuca, Rio de Janeiro, pela 16ª rodada da competição. 
Com a vitória, o Urubu tornou-se líder isolado, com 11 vitórias em 14 jogos (78.6% de aproveitamento), já que o Limeira perdeu para o Uberlândia em casa, por 81 a 69. Os nordestinos ocupam a 11ª posição, com 6 triunfos em 15 partidas (40% de aproveitamento).

O próximo adversário dos cariocas é o Uberlândia, às 20h de quinta-feira (16), no ginásio Sabiazinho, no Triângulo Mineiro. O Basquete Cearense folga na próxima rodada e volta às quadras no sábado (18), às 19h, quando enfrenta o Mogi das Cruzes, na UNIFOR.

O jogo

Lances empolgantes abrilhantaram o início do jogo, como uma ponte aérea concluída por Devon, do Basquete Cearense, e um drible de Laprovittola, do Flamengo que passou a bola entre as pernas de André Góes. Também entusiasmou a quem assistia à partida o desempenho da equipe visitante, comandada por Devon – autor de 13 entre 13 pontos tentados. O aproveitamento dos mandantes, entretanto, era baixo: 44% em bolas de dois pontos e 17% nas de três. Gegê, por exemplo, errou o trio de arremessos que fez. Melhor para os nordestinos, que venciam por 22 a 16.

O armador Marcelinho começou a despontar como cestinha da partida. Ao marcar cinco pontos seguidos, colocou o Flamengo à frente pela primeira vez: 23 a 22. Os cariocas ampliaram e fizeram 9 a 0 no segundo quarto. O técnico Alberto Bial solicitou tempo e orientou a equipe a trocar passas e “fazer o básico”, mas Laprovittola, do Flamengo, acertou duas cestas de três consecutivas. Nada de banho de água fria. Os alvirrubros acabaram com o jejum e, após cinco minutos neste período, conseguiram pontuar. Foi o estímulo para a reação: Basquete Cearense 31 a 32. O Urubu, no entanto, conseguiu ir para o intervalo com vantagem mínima: 35 a 34.

Os rubro-negros sobraram no início do segundo tempo e abriram 10 pontos na dianteira. Num dos lances pró-Flamengo, um erro primário na saída de bola adversária, em que a bola sobrou nas mãos de Felício. O jovem jogador ainda se valeu de uma ponte aérea arquitetada por Marcelinho para aproveitar seu bom momento no duelo. Com folga, vitória dos mandantes por 27 a 19 no terceiro quarto.

A parte final do confronto provocou adrenalina nos torcedores. O Basquete Cearense encaixou boas jogadas e pôs-se à frente (63 a 61). Pedido de tempo para o Flamengo, já que os rivais venciam por 8 a 1 no período. A 45 segundos do término do jogo, Dimmy marcou para os visitantes e o placar apontou 68 a 68. Mayinsse, em lance livre, marcou o 69º carioca. Bial parou o jogo, instruiu jogadas, porém, Marcelinho converteu dois pontos após sofrer falta. Mas os nordestinos também foram beneficiados por uma infração. A quatro pontos dos rubro-negros, César acertou o primeiro lance livre e errou o segundo propositalmente, para que sua equipe tentasse pegar o rebote e conferir uma cesta de três, já que faltavam segundos para o tempo se esgotar. Olivinha ainda teve a chance de ampliar para o Flamengo, mas errou o lance livre e, a quatro segundos do apito final, o Basquete Cearense arriscou um chute que valeria o empate, mas a bola tocou no aro e caiu fora da cesta. Resultado final: 72 a 69 para os mandantes.

Ficha do jogo:

Flamengo 72x69 Basquete Cearense
1º tempo: 35x34 (16x22 e 19x12)
2º tempo: 37x35 (27x19 e 10x16)

FLAMENGO:
Começaram: Laprovittola (13), Gegê (3), Marcelinho (19 pontos), Olivinha (8) e Meyinsse (12).
Entraram: Shilton (5), Felício (12), Chupeta (0).
Técnico: Alberto Bial

BASQUETE CEARENSE: 
Começaram: André Góes (10), Brown (18), Felipe (10), Devon (17) e Jimmy (4).
Entraram: David (5), Drudi (2), Nick (3) e Matheus (0).
Técnico: José Neto

Local: Ginásio do Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 14/01/2014
Horário: 21h15 (de Brasília)

Confira a tabela de jogos e a classificação do NBB



Foto: Marco Aurélio/Divulgação

0 comentários :

Postar um comentário