terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Abrindo bem o ano

Vivo/Minas oscila no fim, mas vence Voltaço em três sets no primeiro jogo de 2014 pela Superliga Masculina

Da Arena Vivo, em Belo Horizonte.
Por João Vitor Cirilo.

07/01/2014 - O Vivo/Minas começou 2014 com vitória na Superliga Masculina de Vôlei. Na noite desta terça-feira, dia de dois jogos na Arena Vivo, a equipe minas-tenista recebeu o Voltaço e, apesar da queda de rendimento no terceiro set, venceu por 3 a 0, com parciais de 21/16, 21/15 e 21/18. Essa foi a oitava vitória do Minas em 13 jogos, atingindo 23 pontos. O time mineiro aguarda o resultado de Brasil Kirin x Kappesberg Canoas para saber se encerrará a rodada em sexto ou quinto (Canoas tem 21 pontos). Já o time de Volta Redonda tem dez pontos e é décimo, podendo perder posição caso a UFJF surpreenda o atual campeão Sada Cruzeiro.

Com 13 pontos, o oposto Franco foi o maior pontuador do Minas e do jogo. O líbero Lucas ficou com o Troféu VivaVôlei, por ter sido escolhido o melhor em quadra. Os minas-tenistas voltam à quadra no sábado (11), contra o Kappesberg Canoas, fora de casa, às 21h30. Já o Voltaço, que teve o central Jonatas e o ponteiro João como maiores pontuadores (sete pontos cada), jogará contra o Sesi-SP, em casa, às 20h do sábado.

Foto: João Vitor Cirilo/Boleiros da Arquibancada

Quando a bola subiu...

Volta Redonda abriu o jogo com dois erros, o que custou a desvantagem inicial de 7 a 4. O Minas jogava tranquilo. Quando abriu 8 a 4, o técnico Alessandro Fadul parou o jogo. A equipe da casa passou a errar demais e jogou a vantagem fora, obrigando o técnico Horacio Dileo a pedir tempo quando a folga caiu para um ponto (13 a 12). O Minas voltou a rodar e não cometeu mais falhas; fechou em 21 a 16.

Maurício e Bjelica voltaram bem para o segundo set e comandaram o Minas, que abriu 7 a 4. O time de Volta Redonda estava completamente perdido em quadra e viu a desvantagem ser ampliada. No segundo tempo técnico, ela já era de oito pontos. O Minas venceu a parcial com tranquilidade. 21 a 15.

No terceiro set, partida equilibrada, com a equipe minas-tenista se mantendo à frente por dois pontos. Porém, na metade da parcial, um apagão. O Voltaço, com muitas alterações em relação à equipe que começou o jogo (Fidele, Leozão, Renato e João entraram), se aproveitou dos erros adversários para virar e abrir 14 a 12. Entretanto, foi o Volta que parou de jogar depois do tempo técnico, e o Minas virou o jogo. 21 a 18 e 3 sets a 0.

Ficha do jogo:

Vivo/Minas 3x0 Voltaço
21/16, 21/15 e 21/18

MINAS:
Começaram: Marcelinho (0 ponto), Franco (13), Maurício (9), Lucas Loh (4), Bjelica (4) e Henrique (7). Líbero: Lucas.
Entraram: Evandro (0), Piá (3) e Rapha (1).
Técnico: Horacio Dileo

VOLTAÇO:
Começaram: Maurício (0), Ricardo (2), Canuto (4), Cueva (4), Jonatas (7) e Brunão (5). Líbero: Daniel.
Entraram: Leozão (5), Fidele (1), Renato (1) e João (7).
Técnico: Alessandro Fadul

Local: Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG)
Público: 817

Arbitragem: Paulo Beal (SC) e Alair Rodrigues (MG)

0 comentários :

Postar um comentário