domingo, 8 de dezembro de 2013

Uma pedra no caminho

Goiás é goleado em casa pelo Santos, melhor paulista do Brasileiro, e não irá para a Libertadores

De Belo Horizonte.
Por Júlia Alves.

08/12/2013 - Sem pretensão no Campeonato Brasileiro, o Santos foi até o Serra Dourada enfrentar o Goiás. A equipe alviverde dependia somente dela para terminar em quarto lugar, no entanto, os santistas pretendiam atrapalhar os planos goianos e conseguiram. O time esmeraldino esteve irreconhecível nessa 38ª rodada. Sem criatividade e com um jogo apagado de Walter, o Verdão pouco fez no duelo decisivo. O Peixe ditou o ritmo da partida e conseguiu o resultado de 3 a 0 com facilidade. Dessa maneira, o Goiás termina na sexta colocação, com 59 pontos. O Santos fechou o Brasileirão como o melhor time paulista, em sétimo lugar, com 57 pontos.

Assim, o Botafogo termina em quarto e aguarda pela final da Sul-Americana para saber se vai à Libertadores ou não. Se a Ponte for campeã, o Brasileirão perde uma das quatro vagas para o torneio continental.

Foto: CBF.com.br

O jogo

O Santos não se intimidou jogando no Serra Dourada e pressionou o time da casa desde o início. Essa pressão surtiu efeito rapidamente e a equipe praiana balançou as redes logo aos cinco minutos. Arouca aproveitou bola espirrada por Rodrigo, na entrada da área, e cruzou para a grande área. Cícero, livre de marcação, desviou de cabeça para o fundo do gol.

O Goiás, precisando de um resultado positivo, foi para o ataque. Aos 18 minutos, William Matheus cobrou falta pela esquerda e Rodrigo escorou de cabeça no alvo. Mas Cicinho, quase em cima da linha, salvou o Santos. A equipe esmeraldina encontrava muita dificuldade na saída de bola e errava muitos passes. Dessa maneira, pouco criou no primeiro tempo e só teve outra oportunidade aos 33 minutos. Rodrigo fez o lançamento e Hugo, livre de marcação, desviou na pequena área. A bola, no entanto, foi por cima do gol.

O Peixe, que cadenciou a partida o tempo todo, não perdeu a oportunidade que teve. Aos 44 minutos, Thiago Ribeiro recebeu dentro da área e recuou a bola para Montillo, que bateu forte, no canto direito de Renan para aumentar a vantagem do time paulista.

No início do segundo tempo, o Goiás até deu a impressão que reverteria o placar. Com força e determinação em campo, o time esmeraldino teve uma ótima oportunidade aos cinco minutos. Hugo bateu falta com força, Aranha deu rebote na pequena área e Vitor, na sobra, mandou por cima do gol.

Entretanto, o Santos logo pôs um fim na reação alviverde. Aos 14 minutos, Cícero avançou pela direita, entrou na área e, diante da marcação, bateu com força. A bola acertou a trave esquerda de Renan e saiu pela linha de fundo. No lance seguinte, Thiago Ribeiro bateu colocado, mas bola saiu à esquerda de Renan, com perigo.

O Goiás parecia ter desistido da partida, não conseguia armar nenhuma jogada e não oferecia perigo algum ao adversário. Sem ver o seu time lutar em campo para reverter o marcador, os torcedores goianos começaram a deixar o estádio e perderam o terceiro gol santista. Montillo recebeu de Cícero na entrada da área e, sem marcação, bateu com força, sem chances para Renan.

Ficha do jogo:

Goiás 0 x 3 Santos

GOIÁS:
Renan; Vitor, Ernando, Rodrigo e Willian Matheus; Amaral, Dudu Cearense (Ramon), Hugo, Eduardo Sasha (Roni) e Renan Oliveira (Welinton Junior); Walter.
Técnico: Enderson Moreira

SANTOS:
Aranha; Cicinho, Gustavo Henrique, Durval e Eugenio Mena (Emerson); Arouca, Alison (Alan Santos), Cícero e Montillo; Thiago Ribeiro (Everton Costa e Geuvânio.
Técnico: Claudinei Oliveira

Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 08/12/2013
Horário: 17h (de Brasília)

Gols: Cícero, aos cinco minutos do primeiro tempo, Montillo, aos 44 minutos do primeiro tempo e 31 minutos do segundo tempo (Santos).

Árbitro: Pierre Goncalves (RS)
Assistentes: Kleber Lúcio Gil (SC) e Carlos Berkenbrock (SC).

Cartões amarelos: Gustavo Henrique, Durval (Santos)
Cartão vermelho: Hugo (Goiás)

***

38ª rodada: 
Sábado (7), às 19h: 
Flamengo 1x1 Cruzeiro
19h30: 
Náutico 1x0 Corinthians
Domingo (8), às 17h: 
Atlético-MG 2x2 Vitória
Internacional 0x0 Ponte Preta
Portuguesa 0x0 Grêmio

Classificação final do Campeonato Brasileiro 2013:
1º - Cruzeiro - 76 pontos 
2º - Grêmio - 65 pontos 
3º - Atlético-PR - 64 pontos
4º - Botafogo - 61 pontos 
5º - Vitória - 59 pontos, 16 vitórias e 6 gols de saldo
6º - Goiás - 59 pontos, 16 vitórias e 4 gols de saldo
7º - Santos - 57 pontos, 15 vitórias e 13 gols de saldo
8º - Atlético-MG - 57 pontos, 15 vitórias e 11 gols de saldo
9º - São Paulo - 50 pontos e 14 vitórias 
10º - Corinthians - 50 pontos e 11 vitórias 
11º - Flamengo - 49 pontos
12º - Portuguesa - 48 pontos, 12 vitórias e 4 gols de saldo
13º - Coritiba - 48 pontos, 12 vitórias e -3 gols de saldo
14º - Bahia - 48 pontos, 12 vitórias e -8 gols de saldo
15º - Internacional - 48 pontos e 11 vitórias
16º - Criciúma - 46 pontos e 13 vitórias
17º - Fluminense - 46 pontos e 12 vitórias
18º - Vasco - 44 pontos 
19º - Ponte Preta - 37 pontos 
20º - Náutico - 20 pontos 

0 comentários :

Postar um comentário