segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Alivio e tensão

Coritiba bate o Botafogo, sai do Z-4 e vai para a rodada final com vantagem sobre Vasco e Fluminense. Fogão está cada vez mais distante da Libertadores

De Curitiba.
Por Willian Gomes.

02/12/2013 - Com objetivos opostos no Campeonato Brasileiro, Coritiba e Botafogo se enfrentaram na tarde deste domingo (1), no Estádio Couto Pereira. Precisando vencer para manter chances de permanecer na elite, o Coxa bateu o Alvinegro carioca por 2 a 1, com gols de Deivid e Alex. Bruno Mendes descontou para os visitantes. O Botafogo, que permaneceu 29 rodadas seguidas no G-4, agora está na quinta posição, com 58 pontos, um a menos que o quarto colocado Goiás. Na próxima rodada, o Fogão recebe o Criciúma, ainda sonhando com a Libertadores.

Com os resultados da rodada, o Coritiba precisava vencer de qualquer jeito; caso contrário, os paranaenses estariam em 18º ao fim do jogo. A vitória tirou o time da zona de rebaixamento. Com 45 pontos, o Coxa está em 16º, um ponto na frente do Vasco. Para se garantir na Série A, o Verdão precisa de uma vitória contra o São Paulo, fora de casa, para não depender de outros resultados. Caso o Vasco perca e o Flu não vença, o Coritiba até poderá perder.

Alex e Deivid brilharam na vitória do Coxa.
(Foto: Divulgação/Site oficial do Coritiba)

O jogo

A partida foi de muita marcação e raras chances de gol. Por mais que o Botafogo quase abriu o placar aos dois minutos, o jogo esfriou depois. O time visitante assustou com Gilberto, que chutou forte da direita, e Vanderlei conseguiu espalmar para escanteio. Já aos 26 minutos, Seedorf perdeu uma boa oportunidade. O holandês invadiu a área e chutou rasteiro; a bola passou bem perto do gol. No minuto seguinte, o Coritiba respondeu com Carlinhos. O ala saiu cara a cara com Jefferson, mas parou na defesa do goleiro.

Aos 38 minutos, aconteceu o improvável: uma falha do goleiro da seleção brasileira. Alex cobrou falta na área, e Deivid, livre de marcação, cabeceou sem força. Na tentativa de encaixar a bola, o goleiro a deixou passar por debaixo da suas pernas.

O Coritiba quase ampliou aos 43. O craque do time, Alex, ficou de frente para o goleiro, tentou encobri-lo, mas parou na boa defesa do arqueiro. Na segunda etapa, o jogo seguiu frio, com muita marcação e pouca emoção.

Aos 16 minutos, Gabriel entrou na área e chutou, mas Vanderlei defendeu. Apostando nos contra-ataques, o Coritiba marcou o segundo gol aos 23 minutos, após uma grande jogada. Alex tocou para Deivid, que se livrou na marcação, e com um toque de categoria mandou a bola para que o meia balançasse as redes.

Na base da pressão, o Botafogo diminuiu aos 38 minutos. Júlio César cruzou bem da esquerda, e bem posicionado, Bruno Mendes deixou a sua marca. Mas, nos minutos finais, quem esteve mais próximo do gol foi o Coritiba, que parou em uma grande defesa de Jefferson depois do cabeceio de Júlio César.

Ficha do jogo:

Coritiba 2x1 Botafogo

CORITIBA:
Vanderlei; Victor Ferraz, Luccas Claro, Chico e Diogo; Willian Farias, Júnior Urso, Gil (Germano), Carlinhos e Alex (Lincoln); Deivid (Júlio César).
Técnico: Tcheco

BOTAFOGO:
Jefferson; Gilberto, Bolivar, Dória e Júlio César; Marcelo Mattos (Henrique), Gabriel e Seedorf; Hyuri (Lodeiro), Rafael Marques e Elias (Bruno Mendes).
Técnico: Oswaldo de Oliveira

Gols: Deivid, aos 38 minutos do primeiro tempo e Alex, aos 23 minutos do segundo tempo (COR);  Bruno Mendes, aos 38 minutos do segundo tempo (BOT)

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Público: 17.169 pagantes - 19.482 presentes
Renda: R$ 327.874
Data: 01/12/2013
Horário: 17h

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA-MG)
Assistentes: Janette Mara Arcanjo (FIFA-MG) e Pablo Almeida da Costa (CBF-MG)

Cartões amarelos: Deivid (CFC); Hyuri e Marcelo Mattos (BOT)


***

37ª rodada: 
Sábado (30), às 19h30: 
21h:
Corinthians 0x0 Internacional 
Domingo (1), às 17h: 
Ponte Preta 0x2 Portuguesa 
Criciúma 1x0 São Paulo 
Vitória 4x2 Flamengo 
19h30: 

Classificação:
1º - Cruzeiro - 75 pontos 
2º - Grêmio - 64 pontos 
3º - Atlético-PR - 61 pontos
4º - Goiás - 59 pontos 
5º - Botafogo - 58 pontos, 16 vitórias e 11 gols de saldo
6º - Vitória - 58 pontos, 16 vitórias e 6 gols de saldo
7º - Atlético-MG - 56 pontos 
8º - Santos - 54 pontos
9º - São Paulo - 50 pontos e 14 vitórias 
10º - Corinthians - 50 pontos e 11 vitórias 
11º - Flamengo - 48 pontos, 12 vitórias e -3 gols de saldo
12º - Bahia - 48 pontos, 12 vitórias e -7 gols de saldo
13º - Portuguesa - 47 pontos e 12 vitórias
14º - Internacional - 47 pontos e 11 vitórias
15º - Criciúma - 46 pontos 
16º - Coritiba - 45 pontos 
17º - Vasco - 44 pontos 
18º - Fluminense - 43 pontos 
19º - Ponte Preta - 36 pontos 
20º - Náutico - 17 pontos 

0 comentários :

Postar um comentário