sábado, 2 de novembro de 2013

Nada de gols

Guaratinguetá e Chapecoense encaram o calor, mas não saem do zero. Time catarinense empatou o quinto jogo seguido

De Uberlândia.
Por Aline Guerra.

02/11/2013 – Com a classificação para a série A do Brasileirão do ano que vem encaminhada, a Chapecoense enfrentou hoje o Guaratinguetá, fora de casa, no estádio Dario Leite. Enquanto os adversários pensam em acesso, os donos da casa querem mesmo é somar pontos para ficar livre do fantasma da zona de rebaixamento. O jogo foi equilibrado, e mesmo com o forte calor, as duas equipes conseguiram se movimentar bem, porém, o 0 a 0 prevaleceu. A Chapecoense, que empatou a quinta seguida (não perde há nove jogos), segue vice-líder, com 61 pontos, e o Guaratinguetá é o 12º, com 41.

O primeiro tempo foi bem equilibrado, com as duas equipes chegando bem até o gol. Após o intervalo, o ritmo diminuiu e a Chapecoense dominou as melhores chances. Depois da Chapecoense ter André Paulino expulso, o Guaratinguetá passou a pressionar mais, mas não conseguiu abrir o placar. No fim, os times, cansados, tocaram bola e aceitaram o resultado.

O próximo desafio da Chapecoense é em casa, contra o America-RN, na terça (5), às 21h. Já o Guaratinguetá encara o Figueirense em Florianópolis, no sábado (9), às 21h.


Foto: CBF.com.br

A partida começou em ritmo muito forte. As duas equipes se revezavam no ataque, criando algumas chances de gol. Aos 23 minutos, o juiz parou o jogo por conta do forte calor. Na volta da pequena pausa, o Guará tentou algumas jogadas, mas nenhuma resultou em gol. Com isso, o intervalo chegou com o placar em 0 a 0.

Depois do intervalo, a Chapecoense arriscou mais, tentou algumas finalizações, enquanto o Guará se defendia e criava pouco. Os visitantes tiveram o zagueiro André Paulino expulso, o que complicou um pouco o toque de bola. Depois da expulsão, o Guaratinguetá pressionou, mas os adversários se seguraram e conseguiram manter o empate.

Ficha do jogo:

Guaratinguetá 0 x 0 Chapecoense

GUARATINGUETÁ:
Saulo; Murilo (Coelho), Pedro Paulo, Marquinhos e Ruan; Bruno Formigoni, Júlio César (Juninho), Michael e Jonatas, Alex Afonso e Rafinha (Rogério Barreto).
Técnico: Betinho

CHAPECOENSE:
Nivaldo; Fabiano, Rafael Lima, André Paulino e Radar; Wanderson, Paulinho Dias, Nenén e Athos (Caion); Potita e Bruno Rangel (Dão).
Técnico: Dal Pozzo

Local: Estádio Dario Leite, em Guaratinguetá (SP)
Data: 02/11/2013
Horário: 16h20

            Árbitro: Fabricio Neves Correa (RS)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence (GO) e Andrea Marcelino de Sá (RJ)

Cartões amarelos: André Paulino e Potita (CHA)
Cartões vermelhos: André Paulino (CHA)

***

33ª rodada:
Joinville 4x2 Paysandu Sexta (1), às 19h30: 
21h: 
Icasa 1x0 Boa Esporte 
21h50: 
Atlético-GO 1x3 Ceará 
Sábado (2), às 16h20: 
17h20: 
Sport 3x0 São Caetano 
ABC 3x3 América-RN 
21h: 
Oeste x Bragantino 
Domingo (3), às 17h: 
Avaí x Figueirense

Classificação:
1º - Palmeiras - 70 pontos 
2º - Chapecoense - 61 pontos 
3º - Sport - 56 pontos
4º - Icasa - 53 pontos e 16 vitórias 
5º - Avaí - 53 pontos e 15 vitórias (32 jogos)
6º - Joinville - 52 pontos 
7º - Paraná - 51 pontos e 14 vitórias
8º - América-MG - 51 pontos e 13 vitórias 
9º - Ceará - 50 pontos 
10º - Figueirense - 46 pontos (32 jogos)
11º - Boa Esporte - 44 pontos 
12º - Guaratinguetá - 41 pontos
13º - América-RN - 40 pontos 
14º - Bragantino - 39 pontos e 11 vitórias (32 jogos)
15º - Oeste - 39 pontos e 10 vitórias (32 jogos)
16º - ABC - 36 pontos 
17º - Atlético-GO - 35 pontos, 9 vitórias e -9 gols de saldo 
18º - Paysandu - 35 pontos, 9 vitórias e -15 gols de saldo 
19º - São Caetano - 31 pontos
20º - ASA - 26 pontos 
(33 jogos)

0 comentários :

Postar um comentário