sábado, 9 de novembro de 2013

Mais um

Após dois empates, Palmeiras bate Joinville em casa e precisa de apenas um ponto para garantir título da Série B

De Belo Horizonte.
Por Júlia Alves.

09/11/2013 - O Joinville, ainda sonhando com o acesso, pretendia vencer o líder Palmeiras, no Pacaembu, no jogo válido pela 34ª rodada da Série B, para voltar a figurar no G-4. Porém, essa era uma tarefa muito difícil e a equipe catarinense não obteve sucesso em sua missão. Com duas assistências de Valdívia e jogando com um a menos, o Verdão não teve dificuldades para garantir a vitória por 3 a 0 sobre o JEC, na tarde deste sábado. Depois de dois empates seguidos, o time paulista conquistou mais três pontos e fica cada vez mais perto do título. Agora com 73 pontos, o Palmeiras precisa de apenas mais um empate para se sagrar campeão. O Joinville caiu para a sétima colocação, com 52 pontos, e perdeu a oportunidade de assumir a quarta colocação, já que Sport, Icasa e Avaí perderam na rodada.

Na próxima rodada, o Joinville receberá em sua Arena o Oeste na terça-feira (12) às 19h30. O Palmeiras jogará no mesmo dia contra o Paysandu, no Mangueirão, às 21h50.

Foto: Idário Café/VIPCOMM

O jogo

O Joinville começou a partida jogando recuado e implantou uma forte marcação, sem criar perigo para o oponente. O Palmeiras teve dificuldade para infiltrar na defesa adversária, mas soube trabalhar bem a bola e ainda contou com o talento do "Mago" Valdívia para auxiliar os seus companheiros a marcarem os gols.

A primeira boa oportunidade paulista foi aos nove minutos. Leandro invadiu a área, prendeu a bola e rolou para trás. Sem esperar, Márcio Araújo tentou de primeira, mas mandou por cima do travessão. O primeiro gol saiu, aos 22 minutos, em uma saída de bola errada de Wellington Bruno, que perdeu para Márcio Araújo. O volante tocou para Valdivia que, de primeira, deu um passe açucarado para Leandro, livre, tirar do goleiro para o fundo das redes.

Depois de abrir o placar, o Verdão diminuiu o ritmo e passou a valorizar mais a posse de bola. No entanto, mesmo jogando mais atrás, a equipe anfitriã não foi ameaçada. O Joinville só conseguiu chegar aos 31 minutos. Eduardo cobrou lateral na área e achou Wellington Bruno, após Marcelo Costa desviar. O camisa 10 do JEC dominou a bola, protegeu da marcação e, na pequena área, finalizou à queima-roupa. Fernando Prass teve que fazer uma bela defesa.

Aos nove minutos do segundo tempo, um lance que poderia ser determinante para o resultado final. O atacante Leandro fez falta em Wellington Bruno e recebeu o segundo cartão amarelo. Mesmo com um jogador a menos, o Joinville não conseguia armar jogadas ofensivas e o Palmeiras continuou dominando o confronto.

O jogo estava morno, com nenhuma das equipes procurando o ataque e se preocupando mais com a marcação. No entanto, o Verdão possui um jogador diferenciado. Aos 24 minutos, Juninho recebeu assistência espetacular de Valdivia. O chileno encontrou espaço na defesa do JEC e deixou o lateral sozinho para chutar forte para o gol, sem chance alguma para o goleiro Ivan.

O Joinville tentou diminuir aos 34 minutos. Marcus Winícius bateu de chapa e quase acertou o ângulo direito de Fernando Prass. O Palmeiras respondeu em seguida. Márcio Araújo arrancou por trás da zaga do JEC, mas o goleiro rival saiu bem com os pés e evitou a chegada do volante.
A partida caminhava para fim e parecia que esse seria mesmo o resultado, quando Ananias, aos 42 minutos, fez bonita jogada e cruzou para área. A bola sobrou para Serginho estufar as redes e fechar o placar em 3 a 0.

Ficha de jogo:

Palmeiras 3 x 0 Joinville

PALMEIRAS:
Fernando Prass; Wendel Santos, André Luiz, Henrique e Juninho (Serginho); Marcelo Oliveira, Márcio Araújo, Wesley (Renatinho) e Valdivia; Leandro e Vinícius (Ananias).
Técnico: Gilson Kleina

JOINVILLE:
Ivan; Eduardo (Clebinho), Sandro, Rafael e Rafinha; Augusto Recife (Kim) e Marcus Winícius; Marcelo Costa, Diogo Oliveira e Wellington Bruno; Edigar Junio (Ronaldo).
Técnico: Sérgio Ramirez

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Público: 10.936 pagantes - 12.741 presentes
Renda: R$ 379.550,00
Data: 09/11/2013
Horário: 16h20

Gols: Leandro, aos 22 minutos do primeiro tempo; Juninho, aos 24, e Serginho, aos 42 minutos do segundo tempo

Árbitro: Rodrigo Nunes de As (RJ)
Assistentes: Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ) e Antonio Luiz Guimaraes Lugo (MS)

Cartões amarelos: Valdívia, Leandro e Serginho (Palmeiras); Eduardo, Clebinho e Sandro (Joinville)
Cartão vermelho: Leandro (Palmeiras)

***

34ª rodada: 
Terça-feira (5), às 21h: 
Sexta (8), às 19h30: 
21h: 
ASA 1x0 Avaí 
21h50: 
Sábado (9), às 16h20: 
17h20: 
Paysandu 3x3 Oeste 
21h: 
Figueirense 2x1 Guaratinguetá

Classificação:
1º - Palmeiras - 73 pontos 
2º - Chapecoense - 62 pontos
3º - Sport - 56 pontos
4º - Icasa - 53 pontos e 16 vitórias 
5º - Avaí - 53 pontos e 15 vitórias 
6º - Ceará - 53 pontos e 14 vitórias
7º - Figueirense - 52 pontos e 16 vitórias 
8º - Joinville - 52 pontos e 15 vitórias 
9º - América-MG - 52 pontos e 13 vitórias 
10º - Paraná - 51 pontos  
11º - Boa Esporte - 47 pontos 
12º - Oeste - 43 pontos 
13º - Bragantino - 42 pontos  
14º - Guaratinguetá - 41 pontos e 11 vitórias
15º - América-RN - 41 pontos e 10 vitórias 
16º - ABC - 39 pontos 
17º - Paysandu - 36 pontos 
18º - Atlético-GO - 35 pontos 
19º - São Caetano - 32 pontos 
20º - ASA - 29 pontos 

0 comentários :

Postar um comentário