domingo, 10 de novembro de 2013

Empate salvador

No Maracanã lotado, Vasco arranca empate do Santos e deixa a zona de rebaixamento. Flu fica entre os quatro piores

De Aracaju.
Por Victor França.

10/11/2013 - Na luta contra o rebaixamento, o Vasco vem tendo o apoio de sua torcida, principalmente nos jogos realizados no Maracanã. Neste domingo, não foi diferente, e o torcedor cruzmaltino mostrou seu apoio lotando o estádio na partida contra o Santos (foram mais de 56 mil presentes). Em campo, o Vasco não conseguiu vencer, e empatou por 2 a 2 com a equipe paulista. Apesar do resultado, o time deixou a zona de rebaixamento, e agora é o 16º colocado, com 37 pontos. O novo integrante do Z-4 é o Fluminense, que perdeu para o Corinthians por 1 a 0. Já o Santos ocupa a parte intermediária da tabela, com 45 pontos, na nona posição.

Na próxima quarta-feira (13), o Vasco enfrenta o Grêmio, às 19h30, em Porto Alegre. Na quinta, o Santos recebe o Bahia, às 19h30, no Pacaembu.

André marcou o gol de empate do Vasco contra o Santos.
(Foto: Marcelo Sadio/www.vasco.com.br)

Com o apoio de seu torcedor, o Vasco começou o jogo dominando as ações no meio de campo, mas pouco ameaçava o time santista. Mais eficiente, o Santos chegou bem ao ataque aos 22 minutos e abriu o placar. Bruno Peres arriscou de fora da área e encobriu o goleiro Alessandro. Golaço. O Peixe não perdeu tempo e ampliou pouco tempo depois. Montillo levantou na área, e Gustavo Henrique subiu sozinho para marcar.

A partida era muito movimentada, e o Vasco diminuiu aos 28. Após cruzamento de Fágner, Edmílson chutou de primeira, a bola desviou na zaga e encobriu Aranha.

O Vasco voltou para o segundo tempo bem mais agressivo, e não dava um minuto de sossego para a defesa santista. Aos 13, Marlone recebeu de John Cley e chutou com categoria. Aranha se esticou e espalmou. Ao mesmo tempo, o Santos passou a encontrar espaços para encaixar os contra-ataques. Após rápida tabela, Willian José quase ampliou em chute defendido por Alessandro.

O jogo continuou tenso, até que André fez o gol do alívio da massa cruz-maltina. Ele apareceu na entrada da área e bateu colocado no cantinho direito de Aranha. A bola ainda bateu na trave antes de entrar, aos 32 minutos. O que se viu nos minutos finais foi uma blitz vascaína em busca da vitória, que não veio. Em compensação, o empate já foi suficiente para afastar por enquanto o fantasma do rebaixamento.


Ficha do jogo:

Vasco 2x2 Santos

VASCO:
Alessandro; Fágner, Jomar, Cris e Yotún; Abuda, Juninho (Jhon Cley) (Bernardo) e Pedro Ken; Marlone, Edmílson e Reginaldo (André).
Técnico: Adílson Batista

SANTOS:
Aranha; Bruno Peres, Edu Dracena, Gustavo Henrique e Mena; Alison, Arouca, Cícero e Montillo; Geuvânio e Willian José (Alan Santos).
Técnico: Claudinei Oliveira

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Público: 50.421 pagantes - 56.756 presentes
Renda: R$ 767.190
Data: 10/11/2013
Horário: 19h30

Gols: Santos: Bruno Peres, aos 22, e Gustavo Henrique, aos 26 minutos do primeiro tempo; Vasco: Edmílson, aos 28 minutos do primeiro tempo, e André, aos 32 minutos do segundo tempo

***

33ª rodada: 
Sábado (9), às 19h30: 
21h: 
Domingo (10), às 17h: 
19h30: 
Náutico 0x1 Criciúma 

Classificação (todos com 33 jogos):
1º - Cruzeiro - 71 pontos
2º - Atlético-PR - 58 pontos
3º - Grêmio - 54 pontos
4º - Botafogo - 53 pontos e 15 vitórias
5º - Goiás - 53 pontos e 14 vitórias 
6º - Vitória - 51 pontos
7º - Atlético-MG - 49 pontos 
8º - São Paulo - 46 pontos 
9º - Santos - 45 pontos, 11 vitórias e 7 gols de saldo
10º - Internacional - 45 pontos, 11 vitórias e 2 gols de saldo
11º - Flamengo - 45 pontos, 11 vitórias e 1 gol de saldo
12º - Corinthians - 45 pontos e 10 vitórias
13º - Coritiba - 41 pontos 
14º - Portuguesa - 40 pontos 
15º - Bahia - 39 pontos 
16º - Vasco - 37 pontos
17º - Criciúma - 36 pontos e 10 vitórias
18º - Fluminense - 36 pontos e 9 vitórias
19º - Ponte Preta - 34 pontos 
20º - Náutico - 17 pontos 

0 comentários :

Postar um comentário