quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Voltando a vencer

Inspirado, Reinaldo marca dois, Paraná volta a vencer após duas derrotas e abre cinco pontos do quinto colocado na Série B

De Curitiba.
Por Leonardo Akira.

18/09/2013 - Para esquecer as derrotas para Oeste São Caetano e consolidar a sua presença no G-4, o Paraná Clube recebeu o Paysandu na noite desta terça-feira (17), no Durival de Britto, a Vila Capanema. O Tricolor entrou com uma certa pressão para a partida, depois de duas partidas ruins. O técnico Dado Cavalcanti escalou o time no 4-3-3 e buscou a vitória desde o começo. Do outro lado, o Papão vinha com outro interesse: atravessou o país para tentar sair da zona de rebaixamento. No entanto, nada feito. O Paysandu não conseguiu apresentar um bom futebol e sofreu mais uma derrota, agora por 3 a 1, a 12ª na competição, fazendo com que o time de Iarley permaneça na penúltima colocação. O destaque da partida ficou para o atacante Reinaldo, que marcou duas vezes.

No próximo sábado (21), as duas equipes voltam a campo para a 24ª rodada. Às 16h20, no Orlando Scarpelli, o Paraná tem seu próximo desafio contra o Figueirense. Já o Paysandu recebe, às 21h, o Atlético Goianiense, e terá mais uma oportunidade de se reerguer na competição.
  
Reinaldo comemora um de seus dois gols na partida.
(Foto: Robson Mafra/Site oficial do Paraná Clube)

O jogo

O Paraná Clube precisava espantar a crise de duas derrotas consecutivas, e mesmo com uma noite fria e com uma garoa gelada, os comandados de Dado Cavalcanti colocaram fogo no jogo desde os primeiros minutos. E foi aos nove minutos que o atacante Paulo Sérgio recebeu cruzamento certeiro de Roniery e  fez torcedor paranista soltar o grito de gol da garganta. No minuto seguinte, Reinaldo entrou sozinho na área e chutou rasteiro, mas o goleiro do Papão defendeu em dois tempos.

Aos 16 minutos, o Paraná teve a chance de ampliar em cobrança da falta com Fernando Gabriel, mas a bola passou raspando o travessão. A primeira grande chance do Paysandu foi aos 19 minutos, com Gilton, mas o lateral esquerdo pegou muito embaixo da bola e isolou. A torcida tricolor poderia ter comemorado o segundo gol aos 22 minutos, mas o atacante Kayke desperdiçou uma bela chance.

Porém, a espera não foi muito longa. Aos 26 minutos, após belo passe de Kayke de calcanhar para Paulinho, ele cruzou na área do Papão e encontrou Reinaldo. O ídolo paranista cabeceou no cantinho e a bola, caprichosamente, bateu na trave e entrou.



Após o 2 a 0, o Tricolor se fechou e pouco acontecia no jogo. Aos 38 minutos, Eduardo Ramos arriscou de fora da área, mas acabou tirando tinta da trave do arqueiro Luis Carlos. O jogo continuou morno, sem muitas emoções até os 43 minutos. Após uma bola mal afastada pela zaga paranista, Jailton arrematou, mas Luis Carlos fez uma milagrosa defesa, salvando o tricolor paranaense.


Para o segundo tempo, o Paraná Clube voltou a campo com Edson Sitta no lugar de Roniery, que sentiu uma lesão na coxa direita. As duas equipes buscavam o ataque, mas erravam muitos passes. Aos 14 minutos, Iarley saiu do jogo e deu lugar a Helinton. Dois minutos depois, o treinador paranista fez mais uma alteração na equipe, sacando Fernando Gabriel para lançar Wellington. Dez minutos depois, Reinaldo recebeu dentro da área, girou com perfeição e bateu no ângulo. Uma verdadeira pintura do experiente atacante tricolor.

O gol de honra do Paysandu saiu três minutos mais tarde, aos 27. Aleílson recebeu cruzamento de Eduardo Ramos e estufou as redes do goleiro Luis Carlos. Dali para frente, o Papão tentou diminuir a desvantagem, mas sem sucesso. 

Ficha do jogo:

Paraná 3x1 Paysandu


PARANÁ:
Luis Carlos; Roniery, Brinner, Alex Alves e Paulinho; Moacir, Ricardo Conceição, Fernando Gabriel (Wellington) e Kayke; Reinaldo (Felipe Amorim) e Paulo Sérgio.
Técnico: Dado Cavalcanti

PAYSANDU:
Paulo Rafael; Yago Pikachu, Fábio Sanches, Leonardo (Aleilson) e Gilton; Vanderson, Zé Antônio, Fabiano Silva (Pablo), Jaílton e Eduardo Ramos; Iarley (Heliton).
Técnico: Arthurzinho

Gols: Paraná: Paulo Sérgio, aos nove do primeiro tempo, e Reinaldo, aos 26 do primeiro tempo e aos 24 do segundo tempo; Paysandu: Aleilson, aos 27 do segundo tempo

Cartões amarelos: Moacir e Paulo Sérgio (Paraná); Gilton e Eduardo Ramos (Paysandú)

Árbitro: Marcos Mateus Pereira (MS)
Assistentes:  Fabio Rodrigo Rubinho (MT) e Vanessa de Abreu Amaral (MT)

Local: Vila Capanema, em Curitiba (PR)
Público pagante: 3.934 
Renda: R$ 55.285
Data: 17/09/2013
Horário: 21h50

 ***

23ª rodada: 
Terça (17), às 19h30: 
Ceará 1x0 Oeste
Atlético-GO 1x1 São Caetano
21h50: 
ASA 0x1 Boa Esporte
Bragantino 2x1 ABC
Terça (22/10), às 19h30:
Chapecoense x Figueirense

Classificação: 
1º - Palmeiras - 52 pontos 
2º - Chapecoense - 46 pontos 
3º - Paraná - 42 pontos 
4º - Joinville - 41 pontos 
5º - Sport - 37 pontos
6º - Icasa - 35 pontos e 11 vitórias 
7º - Boa Esporte - 35 pontos e 9 vitórias 
8º - América-MG - 34 pontos, 9 vitórias, 3 gols de saldo e 35 gols pró 
9º - Avaí- 34 pontos, 9 vitórias, 3 gols de saldo e 34 gols pró 
10º - Ceará - 32 pontos 
11º - Bragantino - 30 pontos 
12º - Figueirense - 29 pontos e 9 vitórias 
13º - Oeste - 29 pontos e 8 vitórias 
14º - Guaratinguetá - 27 pontos 
15º - América-RN - 26 pontos 
16º - Atlético-GO - 24 pontos 
17º - ASA - 23 pontos e 7 vitórias 
18º - São Caetano - 23 pontos, 6 vitórias e -6 gols de saldo 
19º - Paysandu - 23 pontos, 6 vitórias e -11 gols de saldo 
20º - ABC - 17 pontos

0 comentários :

Postar um comentário