domingo, 22 de setembro de 2013

No apagar das luzes

Ex-são-paulino Rodrigo marca no fim e Goiás interrompe reação tricolor

De Curitiba.

Por Leonardo Pollis.

22/09/2013 - Em partida válida pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Goiás recebeu o São Paulo, na tarde deste domingo, e venceu por 1 a 0. O gol foi marcado por Rodrigo, aos 44 minutos da segunda etapa, em cobrança de falta. Com a vitória, o time esmeraldino chegou aos 33 pontos na tabela de classificação e ocupa o sexto lugar. Já o time de Muricy Ramalho sofreu a primeira derrota sob o comando do treinador (quatro jogos) e permaneceu com 27 pontos, na 15ª colocação. 

Na próxima quinta (26), o tricolor encara a Universidade Católica (CHI), no Morumbi, às 21h50, abrindo as oitavas de final da Copa Sul-Americana. O Goiás joga no mesmo horário, mas na quarta (25), no Serra Dourada, contra o Vasco, em jogo válido pelas quartas da Copa do Brasil. Pelo Brasileiro, o Goiás pega o Flu no sábado (28), às 18h30, novamente em casa, e o São Paulo recebe o Grêmio no domingo (29), às 16h.


Rodrigo, ex-tricolor e que marcou nesta tarde, cumprimenta Muricy antes da partida no Serra Dourada. 
(Foto: Rubens Chiri/Divulgação: Site Oficial do São Paulo)

O jogo

A partida começou com o time da casa tomando a iniciativa. Aos quatro minutos, Tartá fez belo lançamento para Walter, que girou e tocou para Hugo. Com liberdade, o meia alviverde chutou forte de esquerda, e Rogério se esticou todo para defender. 
O São Paulo respondeu aos 11 minutos, mostrando que iria apenas se defender. Ganso roubou a bola e tocou para Jadson, que lançou Paulo Miranda. O lateral dominou com o peito e chutou em cima de Renan.

Aos 15 minutos, após cobrança de escanteio, Walter recebeu em posição legal e chutou forte. Rogério espalmou e a bola voltou para o atacante esmeraldino, que chutou novamente e Ceni defendeu. Aos 23, Walter percebeu o goleiro tricolor adiantado e arriscou da intermediária; Rogério fez grande defesa. Ainda na primeira etapa, Rogério salvaria mais uma vez a equipe do Morumbi. Aso 44,  após cruzamento em direção à área, a bola sobrou para Hugom que dominou e soltou uma bomba, que parou no goleiro novamente.

Na segunda etapa, Muricy resolveu trocar Luís Fabiano por Aloísio, tentando dar mais velocidade ao ataque. Já o treinador alviverde, Enderson Moreira  trocou Tartá por Araújo. O jogo recomeçou equilibrado. A primeira grande chance foi do Goiás. Aos 16 minutos, em contra-ataque, Renan Oliveira rolou para Walter, que chutou por cima do gol. Aos 18, Rogério saiu mal e a bola sobrpu para Walter novamente. O atacante cruzou para Araújo, que mandou um voleio; Ceni se recuperou e defendeu.

O São Paulo não conseguiu criar nada na segunda etapa. Ficou praticamente todo o tempo dominado pelo time esmeraldino. A partida chegava ao final e tudo se encaminhava para um 0 a 0. Porém, aos 44 minutos, o Goiás teve uma falta perigosa, frontal à meta de Rogério. Na cobrança, Rodrigo, ex-jogador tricolor, colocou no cantinho. Com capricho, a bola tocou na trave e bateu nas costas de Ceni antes de entrar. A vitória goiana estava garantida. Foi a primeira derrota de Muricy após seu retorno ao Morumbi.


Ficha do jogo:


Goiás 1x0 São Paulo



GOIÁS: 
Renan; Vitor, Ernando, Rodrigo e Thiago Mendes; Amaral, David (Ramon), Renan Oliveira, Hugo (Eduardo Sasha) e Tartá (Araújo); Walter 
Técnico: Enderson Moreira



SÃO PAULO: 
Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Antônio Carlos e Reinaldo; Rodrigo Caio, Denilson (Fabrício), Jadson e Paulo Henrique Ganso; Welliton (Osvaldo) e Luis Fabiano (Aloísio)
Técnico: Muricy Ramalho


Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 22/09/2013

Horário: 16h



Árbitro: Paulo Henrique Godoy Bezerra (SC)
Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Marrubson Melo Freitas (DF)

Gol: Rodrigo, aos 44 minutos do segundo tempo



***

23ª rodada: 
Sábado (21), às 18h30: 
21h:
Vitória 0x0 Grêmio
Domingo (22), às 16h: 
18h30: 
Santos 2x1 Criciúma

Classificação: 
1º - Cruzeiro - 50 pontos (23 jogos)
2º - Botafogo - 42 pontos (23 jogos)
3º - Atlético-PR - 41 pontos (23 jogos)
4º - Grêmio - 39 pontos (23 jogos)
5º - Internacional - 34 pontos (23 jogos)
6º - Goiás - 33 pontos (23 jogos)
7º - Santos - 32 pontos (22 jogos)
8º - Atlético-MG - 31 pontos, 8 vitórias e 0 gol de saldo (22 jogos)
9º - Vitória - 31 pontos, 8 vitórias e -2 gols de saldo (23 jogos)
10º - Bahia - 31 pontos, 8 vitórias e -3 gols de saldo (23 jogos)
11º - Corinthians - 31 pontos, 7 vitórias e 7 gols de saldo (23 jogos)
12º - Coritiba - 31 pontos, 7 vitórias e 0 gol de saldo (23 jogos)
13º - Fluminense - 30 pontos (23 jogos)
14º - Portuguesa - 28 pontos (23 jogos)
15º - São Paulo - 27 pontos e 7 vitórias (23 jogos)
16º - Flamengo - 27 pontos e 6 vitórias (23 jogos)
17º - Criciúma - 24 pontos e 7 vitórias (23 jogos)
18º - Vasco - 24 pontos e 6 vitórias (23 jogos)
19º - Ponte Preta - 19 pontos (22 jogos)
20º - Náutico - 10 pontos (22 jogos)

0 comentários :

Postar um comentário