domingo, 8 de setembro de 2013

Em lados opostos

No reencontro entre Dunga e Jorginho, Ponte sai na frente, mas leva virada do Inter

De Curitiba.
Por Leonardo Pollis.

08/09/2013 - Neste sábado (7), o confronto entre Ponte Preta e Internacional, realizado no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, jogo válido pela 19°rodada do nacional, terminou com uma vitória Colorada de virada por 3 a 1. A macaca abriu o placar com William, enquanto os gols do time gaúcho foram marcados por Juan, D´Alessandro e Scocco. Com o resultado, o Inter emplacou a segunda vitória consecutiva e chegou a 30 pontos na classificação, um abaixo do G-4. Já os donos da casa amargaram a sexta derrota consecutiva e seguem sua árdua batalha contra o rebaixamento. Com 15 pontos em 18 jogos, a equipe de Campinas ocupa a vice-lanterna da competição, à frente apenas do Náutico, com oito.

O jogo marcou o reencontro de Dunga e Jorginho, que comandaram a seleção brasileira no último mundial, realizado na África do Sul em 2010. Enquanto de um lado Dunga buscava a afirmação de sua equipe na briga pelas primeiras posições na tabela, do outro, Jorginho convive com a pressão da torcida, que na última sexta-feira invadiu o gramado para cobrar alguns jogadores durante o treinamento da equipe alvinegra e as cinco derrotas consecutivas.

D'Alessandro comemorou centésimo gol como profissional. 
(Foto: Divulgação/Site Oficial do Internacional) 

O jogo 

A partida começou equilibrada, com os donos da casa tomando a iniciativa de atacar os colorados em busca de um gol nos primeiros minutos da partida. O time do técnico Jorginho pressionava os visitantes e eram perigosos no contra-ataque. Depois de tanto martelar, a Ponte conseguiu um pênalti a seu favor, em uma falha incrível do zagueiro Juan que recuou mal a bola para o goleiro Alisson. Ao tentar alcançar, ele acabou derrubando Leonardo na área. Na cobrança, William abriu o placar aos 25 minutos da etapa inicial.

Aos 30 minutos, em cobrança de falta, D'Alessandro colocou a bola na cabeça do zagueiro Juan, que se redimiu da falha e empatou o jogo.

Na segunda etapa, o Inter voltou melhor e logo aos seis minutos criou uma ótima chance de gol. Otávio arrancou da esquerda e colocou na pequena área. Roberto espalmou. A bola sobrou para Damião, que acertou o travessão. No rebote, D'Ale chutou rente ao poste esquerdo, para fora.

Aos 14 minutos, veio a virada. Betão cometeu pênalti em Leandro Damião. D"Alessandro cobrou e marcou o seu centésimo gol como profissional. A partir de então, o zagueiro Betão foi hostilizado pela torcida ponte-pretana. De uma maneira geral, os jogadores alvinegros sentiram a cobrança da torcida e, sem força para reagir, aos 26 minutos acabaram sofrendo o terceiro gol. Em jogada aérea, Scocco recebe passe de Damião e fecha o placar.

Ficha técnica: 

Ponte Preta 1x3 Internacional

PONTE PRETA:
Roberto; Régis Souza, Betão, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Fellipe Bastos (Fernando Bob), Magal (Everton Santos) e Adrianinho; Leonardo (Giovanni) e William. 
Técnico: Jorginho

INTERNACIONAL:
Alisson; Gabriel, Índio, Juan e Fabrício; Ygor, Willians (Alex), Otávio (Josimar) e D'Alessandro; Scocco (Kléber) e Leandro Damião. 
Técnico: Dunga

Data: 07/09/2013
Horário: 18h30
Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

Gols: William, de pênalti, aos 25 minutos do primeiro tempo (Ponte); Juan, aos 29 minutos do primeiro tempo, D'Alessandro, de pênalti, aos 16 minutos do segundo tempo, e Scocco, aos 26 minutos do segundo tempo (Inter)

Cartões amarelos: Diego Sacoman (P); Gabriel, Alisson, Willians (I). 

Árbitro: Edivaldo Elias da Silva (PR)
Auxiliares: Luiz Antônio Muniz de Oliveira (RJ) e Carlos Jorge Titara da Rocha (AL)

***

19ª rodada: 
Sábado (7), às 18h30: 
21h: 
Grêmio 3x2 Portuguesa 
Domingo (8), às 16h: 
Cruzeiro x Flamengo 
Coritiba x São Paulo 
Corinthians x Náutico 
18h30: 
Vasco x Atlético-PR 
Criciúma x Botafogo

Classificação:
1º - Cruzeiro - 37 pontos (18 jogos)
2º - Grêmio - 34 pontos (19 jogos)
3º - Atlético-PR - 33 pontos, 10 gols de saldo e 34 gols pró (18 jogos)
4º - Botafogo - 33 pontos, 10 gols de saldo e 30 gols pró (18 jogos)
5º - Internacional - 30 pontos (18 jogos)
6º - Corinthians - 29 pontos (18 jogos)
7º - Goiás - 26 pontos (19 jogos)
8º - Santos - 25 pontos e 6 gols de saldo (17 jogos)
9º - Coritiba - 25 pontos e 1 gol de saldo (18 jogos)
10º - Criciúma - 23 pontos e 7 vitórias (18 jogos)
11º - Vasco - 23 pontos, 6 vitórias e -3 gols de saldo (18 jogos)
12º - Vitória - 23 pontos, 6 vitórias e -4 gols de saldo (19 jogos)
13º - Bahia - 23 pontos, 6 vitórias e -6 gols de saldo (19 jogos)
14º - Fluminense - 22 pontos e 6 vitórias (19 jogos)
15º - Flamengo - 22 pontos, 5 vitórias e -3 gols de saldo (18 jogos)
16º - Atlético-MG - 22 pontos, 5 vitórias e -4 gols de saldo (18 jogos)
17º - Portuguesa - 19 pontos (19 jogos)
18º - São Paulo - 18 pontos (18 jogos)
19º - Ponte Preta - 15 pontos (18 jogos)
20º - Náutico - 8 pontos (17 jogos)

0 comentários :

Postar um comentário