quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Custou caro

Nas oitavas da Sul-Americana, Coxa perde para o Itagüí-COL no Couto Pereira. Treinador e superintendente de futebol são demitidos após o jogo

De Curitiba.

Por Willian Gomes.

25/09/2013 - A fase não está boa para o Coritiba. Em queda livre no Brasileirão, o time paranaense recebeu nesta terça-feira (24) o Itagüí, modesto time da Colômbia, em jogo válido pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Mena marcou o único gol da partida, após falha grotesca de Chico. A torcida do Coxa já pedia por mudanças há algumas semanas, e após a partida, o presidente Vilson Ribeiro de Andrade anunciou a demissão do técnico Marquinhos Santos e do superintendente de futebol Felipe Ximenes.

Caio Junior, atualmente desempregado, é o favorito para assumir o time. Mas, enquanto não é anunciado o novo treinador, o auxiliar Marcelo Serrano comandará o Coritiba diante do Náutico, no sábado (28), na Arena Pernambuco.

A partida de volta da Sul-Americana será daqui um mês, no dia 24 de outubro, no Estádio Parque Sur Envigado. Quem passar desta série encara o vencedor de Libertad-PAR e Sport Recife, que iniciam a série às 21h50 desta quarta (25), no Paraguai.


Foto: Divulgação/Site Oficial do Coritiba

O jogo

Apostando na velocidade, o time colombiano criou boas chances nos contra-ataques, enquanto o Coritiba errava o último passe no ataque. A primeira oportunidade de gol foi dos visitantes. Aos quatro minutos, Mosquera lançou Mena, que invadiu a área e chutou forte, mas para fora.

No minuto seguinte, o Coritiba respondeu. Jânio recebeu na área e chutou, Cabral espalmou, Vitor Junior também tentou, mas novamente o goleiro defendeu. Mena era o principal jogador do Itagüí, um atacante com muita velocidade, que foi capaz de incomodar muito a defesa do Coxa. Aos 22 minutos, Mena ficou de frente para o gol após cruzamento de Vallejo, mas furou na hora de chutar.

Aos 31 minutos, o Coritiba ameaçou com o zagueiro Bonfim. Após cobrança de escanteio na área, ele cabeceou, mas Garcia tirou em cima da linha.

Na segunda etapa, os visitantes balançaram as redes logo aos 30 segundos de jogo. Victor Ferraz tocou para Chico, que perdeu o tempo da bola e viu Mena roubar, invadir a área e chutar cruzado para fazer o gol colombiano.

O Coritiba se abateu muito com o gol sofrido, tanto que criou poucas chances de empatar, e o Itagüí esteve próximo de marcar o segundo gol. Aos 11 minutos, Chico quase se redimiu. Alex cobrou escanteio na área, o zagueiro subiu mais alto e cabeceou, mas o goleiro Cabral fez bela defesa.

Em um rápido contra-ataque, Quiñónes perdeu boa chance. Aos 21, ele saiu cara a cara com Vanderlei, tentou encobrir o goleiro, mas Gil salvou o Coxa antes que a bola entrasse. O mesmo Quiñónes quase marcou aos 28 minutos. Ele roubou a bola de Robinho e chutou cruzado; a bola passou perto do gol.

O Itagüí foi se defendendo cada vez mais que o tempo passava, mas nunca abria mão do ataque, enquanto o Coritiba, desorganizado em campo, apresentou um fraco futebol, e viu sua torcida protestar nas arquibancadas.

Ficha do jogo:

Coritiba 0x1 Itagüí (COL)

CORITIBA:
Vanderlei; Victor Ferraz, Bonfim, Chico, Escudero (Zé Rafael), Gil, Robinho, Lincoln (Dudu), Alex, Janio (Julio Cesar) e Vitor Junior.
Técnico: Marquinhos Santos

ITAGÜÍ:
Osvaldo Cabral; Gerardo Vallejo (Lopes), Braynner Garcia, Ervin Maturana, Elvis Mosquera, Yesid Mena (Jorge Aguirre), Jhon Restrepo, Geiler Mosquera, Gustavo Bolivar, Omar Rodriguez (Diego Cabrera) e Luis Quiñones.
Técnico: Jorge Luis Bernal

Gol: Mena, aos 30 segundos da etapa final

Árbitro: Oscar Maldonado (BOL)
Assistentes:  Efrain Castro (BOL) e Wilson Arellano (BOL)

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 24/09/2013

0 comentários :

Postar um comentário