domingo, 8 de setembro de 2013

A caminho do tetra

Vettel vence mais uma, dessa vez na Itália, e segue liderando Mundial de Pilotos na F1. Felipe Massa termina em quarto

De Curitiba.
Por Willian Gomes.

08/09/2013 - Sebastian Vettel, da RBR, está a cada corrida mais perto do tetracampeonato. Na prova deste domingo, o Grand Prêmio da Itália, o alemão largou na pole position, e com muita tranquilidade, dominou de ponta a ponta o circuito de Monza, na casa da Ferrari. Um fato interessante foi na cerimônia do pódio. Vettel foi muito vaiado pelos italianos, que comemoraram um segundo lugar de Fernando Alonso. Pressionado na Ferrari, Felipe Massa terminou na quarta posição, mesma posição que largou.

Com 12 das 19 corridas disputadas, Vettel tem 53 pontos de vantagem para Alonso. O piloto da RBR tem 222 pontos na classificação geral. Já Alonso aparece com 169 pontos na segunda posição. Massa ainda está no sétimo lugar, com 79 pontos.

Na classificação de construtores, a RBR também está com boa vantagem. Os austríacos têm 362 pontos. A Ferrari ultrapassou a Mercedes, e assumiu o segundo lugar com 248 pontos, três a mais que os alemães.

Vettel vence a sexta na temporada. Alonso se conforma com a segunda posição.
(Foto: Reuters)

A próxima corrida será o GP de Cingapura, no dia 22 de setembro. A Fórmula 1 agorá irá para cinco provas no continente asiático. Depois, Estados Unidos, e o encerramento será no Brasil.

A corrida

Na largada, Vettel manteve a primeira posição. Massa e Alonso ultrapassaram Hulkenberg, da Sauber, e foram para terceiro e quarto, respectivamente. Na sequência, o brasileiro ainda ultrapassou Mark Webber, da RBR. Ainda na primeira volta, Paul Di Resta, da Force India, abandonou a prova após bater na Lotus de Grosjean.

Na terceira volta, Alonso fez uma bela ultrapassem sobre Mark Webber, assumindo a terceira posição. Cinco voltas depois, o espanhol não teve nenhuma dificuldade para passar seu companheiro de equipe, Felipe Massa.

Na 14ª volta, o segundo piloto a abandonar foi Jean-Eric Vergne, da STR, que viu o motor do seu carro estourar. Hamilton, piloto da Mercedes, largou com problemas no rádio, e não conseguia se comunicar com a equipe. Com um pequeno furo no pneu, ele não ouviu a ordem para ir ao pit-stop, e quando foi, caiu para o 19º lugar.

Na volta 33, Vettel já tinha dez segundos de vantagem para Alonso, que era seguido de perto por Webber e Massa em quarto. Hulkeberg, que fazia uma corrida segura na quinta posição, aos poucos viu um pelotão se aproximar.

Hamilton, que fazia uma corrida de recuperação, aos poucos foi ganhando posições. Na 35ª volta, o britânico já estava em sexto, seguido por Rosberg, Ricciardo, Button e Pérez. 

A corrida foi chegando ao fim e as posições sendo mantidas. Alonso suportou a pressão de Webber; Massa se manteve na quarta posição com folga. Já Hamilton teve que fazer mais uma parada, e fechou a corrida em nono. Tranquilo na ponta, Vettel venceu a sexta na temporada, e de quebra, levantou o troféu na casa do principal rival, a Ferrari.



Classificação final do GP da Itália (clique para ampliar):
Foto: formula1.com

Classificação do Mundial de Pilotos (clique para ampliar):
Foto: formula1.com

Classificação do Mundial de Construtores (clique para ampliar):
Foto: formula1.com

0 comentários :

Postar um comentário